Acupuntura é eficaz contra ondas de calor na menopausa

Nos mais de 2.500 anos que se passaram desde que a acupuntura foi usada pela primeira vez pelos antigos chineses, ela tem sido usada para tratar uma série de condições físicas, mentais e emocionais.

Isto inclui náuseas e vômitos, reabilitação de acidentes vasculares cerebrais, dores de cabeça, cólicas menstruais, asma, fibromialgia, artrose - apenas para citar algumas possibilidades.

Agora, uma análise de todos os estudos controlados e randomizados já feitos sobre o assunto indica que a acupuntura pode minimizar a gravidade e a frequência das ondas de calor das mulheres na menopausa.

Acupuntura contra ondas de calor

Embora os estudos individuais forneçam resultados inconsistentes sobre os efeitos da acupuntura em outros sintomas relacionados com a menopausa - como problemas de sono, distúrbios de humor e problemas sexuais - as conclusões são bem claras acerca dos impactos positivos tanto sobre a frequência quanto sobre a severidade das ondas de calor.

Foram incluídas na análise as mulheres que passaram pela menopausa natural com idade entre 40 e 60 anos. As terapias envolvidas incluem diferentes formas de acupuntura, incluindo acupuntura chinesa tradicional, acupressura, eletroacupuntura, acupuntura a laser e acupuntura auricular.

Curiosamente, nem o efeito da frequência das ondas de calor e nem a gravidade dessas ondas parecem estar relacionadas com o número de sessões ou a duração do tratamento.

Os resultados também mostraram que a acupuntura simulada - uma espécie de "placebo da acupuntura" - pode induzir um efeito comparável à da verdadeira acupuntura para a redução da frequência das ondas de calor, mas não quanto à sua gravidade, que só cedeu com o tratamento efetivo.

Após as sessões de acupuntura, os efeitos sobre as ondas de calor se mantiveram em média por três meses.

O estudo foi publicado na revista Menopausa, da Sociedade Norte-Americana de Menopausa (NAMS).


Ver mais notícias sobre os temas:

Saúde da Mulher

Terapias Alternativas

Medicamentos Naturais

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.