Agricultores são as principais vítimas do câncer de pele

Pior na lavoura do que na praia

Os agricultores são as principais vítimas do câncer de pele. Eles são os mais afetados pela doença, que concentra 25% de todos os casos de câncer registrados no país, por causa da constante exposição ao sol.

Um pesquisa realizada pela regional de Pernambuco da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), mostrou que municípios sem praias têm incidência de câncer de pele 40% maior do que os de regiões litorâneas e que os trabalhadores rurais os mais atingidos pela doença.

Pele clara e muito sol

Segundo a dermatologista e coordenadora da Campanha Contra o Câncer de Pele da SBD, Selma Schuartz Cernea, dois fatores influenciam a ocorrência da doença: a pele clara e a alta exposição ao sol.

Para o dermatologista do Hospital do Câncer de Pernambuco, Luís Mário Campos, no caso dos agricultores, no entanto, a falta de acesso ao protetor solar e o baixo índice de instrução sobre a necessidade de prevenção também são fatores determinantes.

"Devido ao baixo índice de educação, ele usam pouco material para evitar os raios ultravioletas", disse.

Alto custo dos protetores solares

Embora o protetor solar seja uma arma eficaz na prevenção do câncer de pele, seu custo ainda é alto, dificultando o acesso ao produto. De acordo com a dermatologista, Selma Schuartz Cernea, a SDB está buscando medidas para tornar o protetor mais barato e, assim, mais acessível.

"O filtro solar entra na categoria de cosméticos, que tem impostos maiores. O custo se torna um impedimento para o uso. Nós temos feitos tentativas para mudar a legislação para que o protetor se torne medicamento e, assim, se torne um produto acessível", explicou.

Enquanto isso não acontece, ela recomenda outras medidas para prevenir a doença. As pessoas que trabalham expostas ao sol, por exemplo, devem usar camisas de manga comprida, calças e chapéus com abas largas que protejam também a nuca e as orelhas.


Ver mais notícias sobre os temas:

Cuidados com a Pele

Trabalho e Emprego

Prevenção

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.