Banco de imagens do cérebro é disponibilizado na internet

Banco de imagens do cérebro é disponibilizado na internet
O banco de imagens do cérebro vai permitir que cientistas do mundo todo analisem casos particulares de disfunções cerebrais ao comparar as imagens de seus pacientes com as imagens do cérebro de indivíduos saudáveis.
[Imagem: NITRC]

Banco de imagens

Uma equipe internacional de neurocientistas - de 35 centros de pesquisas do cérebro ao redor do mundo, dos Estados à China - montou o maior banco de dados de imagens do cérebro que existe e o disponibilizaram na internet.

As imagens de ressonância magnética foram geradas a partir do escaneamento do cérebro de mais de 1.400 voluntários saudáveis.

O banco de imagens vai permitir que cientistas do mundo todo analisem casos particulares de disfunções cerebrais ao comparar as imagens de seus pacientes com as imagens do cérebro de indivíduos saudáveis.

Rede cerebral

O resultado do estudo é uma visão geral das redes funcionais de conexões neurais entre as diferentes áreas do cérebro em repouso. Uma imagem médica de um cérebro em repouso significa que o indivíduo não estava fazendo uma atividade mental específica durante o exame.

O banco de imagens - que será expandido continuamente com novos dados - abre o caminho para pesquisas que buscam descobrir os processos fundamentais que podem manter a saúde ou induzir doenças no cérebro humano.

Arquitetura do cérebro

Durante anos, os pesquisadores consideraram que os padrões de atividade cerebral variam muito de pessoa para pessoa.

Este estudo mostra, no entanto, que o estado de repouso das redes funcionais do cérebro possui uma arquitetura universal.

Embora os elementos básicos desta arquitetura cerebral sejam os mesmos para todos, diferenças sutis podem ser detectadas no envolvimento de diferentes áreas do cérebro entre homens e mulheres e entre pessoas de idades diferentes.

"Já havíamos observado que a conectividade diminui à medida que envelhecemos", afirma o professor Serge Rombouts. "As diferenças sexuais são algo que estamos vendo agora pela primeira vez. Nós não podemos dizer nada ainda sobre as implicações disto para o funcionamento do cérebro, mas é, naturalmente, um material de pesquisa muito interessante."

Imagens do cérebro

Os pesquisadores disponibilizaram o banco de imagens do cérebro gratuitamente na internet, em um site apoiado pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos.

Isto torna possível estabelecer pontos de referência da população (benchmarks) para a comparação entre indivíduos saudáveis e pacientes com doenças psiquiátricas ou com elevado risco de distúrbios psicológicos ou vícios.

O banco de dados das imagens do cérebro pode ser acessado no endereço www.nitrc.org/projects/fcon_1000.


Ver mais notícias sobre os temas:

Cérebro

Mente

Exames

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.