Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

03/06/2015

Biópsia óptica detecta pano branco e dermatite atópica

Redação do Diário da Saúde
Biópsia óptica detecta pano branco e dermatite atópica
A técnica, chamada análise de espectroscopia Raman, usa a luz que se reflete sobre a pele para detectar e analisar moléculas biológicas e identificar anormalidades. [Imagem: INVDES]

Uma biopsia óptica, indolor e não-invasiva, consegue detectar com eficácia a dermatite atópica e a pitiríase versicolor, mais conhecida como "pano branco" ou "micose de praia".

Os resultados são imediatos e o exame é de baixo custo, dispensando a coleta de amostras de sangue e a ida ao laboratório.

Biópsia óptica

A tecnologia, desenvolvida por especialistas da Universidade Autônoma de San Luis Potosi (Espanha), usa uma técnica chamada análise de espectroscopia Raman, que analisa a luz que se reflete sobre a pele para detectar e analisar moléculas biológicas e identificar anormalidades.

Atualmente, o diagnóstico da dermatite atópica e do pano dá-se através de biópsias, ou seja, exige a remoção de uma amostra da pele da pessoa.

O exame óptico começa com o disparo de um laser de baixa potência sobre a pele. As células da pele refletem a luz, que retorna com variações de cor dependendo das características das células da pele. Um algoritmo de computador determina então as alterações encontradas. O teste é totalmente indolor e o resultado é imediato.

Pano branco e dermatite atópica

O professor Francisco Javier González Contreras e seus colegas descobriram que a dermatite atópica (erupções na pele que causam coceira e descamação) está associada a uma menor concentração da proteína filagrina na pele, o que pode ser detectado pelo exame.

O pesquisador também aplicou a espectroscopia Raman para diagnosticar o pano branco, identificando uma mudança na melanina, substância responsável pela pigmentação da pele.

"Nós não sabemos porque [a melanina] é alterada, mas com esta pesquisa podemos dizer aos dermatologistas que os pacientes com estas características precisam de um tratamento diferenciado," disse Contreras.


Ver mais notícias sobre os temas:

Exames

Cuidados com a Pele

Prevenção

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

O que é melhor: Meditação ou Férias?

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Carne e barbatana de tubarão contêm altos níveis de neurotoxinas

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão