Check-up médico completo feito por um chip

Check-up médico completo feito por um biochip
Com apenas 7,5 cm de altura e pesando 60 gramas, o microlaboratório é capaz de detectar vírus e camadas de proteínas abaixo de 3 nanômetros de espessura.
[Imagem: EPFL]

Do tamanho de um grampeador, este novo dispositivo portátil desenvolvido na Suíça é capaz de testar um grande número de proteínas em nosso corpo de uma só vez.

Combinando ciência óptica e engenharia, o equipamento promete fazer um check-up completo da nossa saúde sem que precisemos ir ao médico e ao laboratório - e voltar ao laboratório para pegar os resultados e voltar ao médico etc. etc.

O microlaboratório - um laboratório em um chip - é compacto e de baixo custo, com capacidade para analisar rapidamente até 170 mil moléculas diferentes em uma amostra de sangue.

Isto significa a possibilidade de identificar simultaneamente níveis de insulina, câncer, biomarcadores de Alzheimer ou mesmo certos vírus.

Trata-se de uma das primeiras realizações longamente prometidas pela tecnologia dos biochips.

O aparelho miniaturizado emprega uma nova técnica que detecta mudanças na intensidade da luz conforme ela se reflete na amostra, dispensando os espectrômetros, que são grandes e caros.

Com apenas 7,5 cm de altura e pesando 60 gramas, o microlaboratório é capaz de detectar vírus e camadas de proteínas abaixo de 3 nanômetros de espessura.

Os pesquisadores esperam colocar o aparelho no mercado depois que desenvolverem a interface que facilite a leitura dos resultados.

"Nós estamos trabalhando na construção de uma interface semelhante ao painel de um carro, que indica os níveis de gasolina e óleo, informa se os faróis estão ligados ou se o motor está funcionando corretamente," explica o professor Hatice Altug, da Escola Politécnica Federal de Lausanne, na Suíça, responsável pelo desenvolvimento do microlaboratório.


Ver mais notícias sobre os temas:

Biochips

Exames

Equipamentos Médicos

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.