Como evitar se preocupar com o trabalho após o expediente

Planejamento final

Não consegue esquecer os problemas do trabalho depois que chega em casa?

A solução pode estar em um pouco de planejamento um pouco antes de sair do escritório.

É o que garante o professor Brandon Smit, da Universidade do Estado de Indiana, em um artigo publicado no Journal of Organizational and Occupational Psychology.

Desligar-se do trabalho

Em um estudo sobre a capacidade das pessoas para se desligarem do trabalho, o Dr. Smit observou que a preocupação pós-expediente não é genérica - a maioria das pessoas tem mais dificuldade em se distanciar das tarefas do trabalho que foram sido deixadas incompletas.

Ele então orientou um grupo de funcionários a criar planos por escrito para o dia seguinte, especificando como eles iriam concluir as tarefas inacabadas.

O resultado foi que o grupo que fez o planejamento no final do expediente, traçando um roteiro sobre o que fazer no dia seguinte, conseguiu se desligar do trabalho e desfrutar melhor de suas noites do que os funcionários que não criaram planos.

Planejar o dia seguinte

"Se você tem um prazo importante para cumprir, por exemplo, seu cérebro vai ficar lhe cutucando com lembretes, o que torna difícil obter uma pausa do trabalho. Parece que temos a capacidade de 'desligar', ou pelo menos 'diminuir o volume' desses processos cognitivos planejando onde, quando e como os objetivos serão realizados.

"Isto é principalmente verdade para as pessoas que já têm dificuldades em esquecer o trabalho durante o lazer porque seu trabalho desempenha um papel central em suas vidas. Para elas, uma simples mudança na rotina de trabalho, planejando as tarefas perto do fim do dia de trabalho, provavelmente fará uma diferença real," disse Smit.


Ver mais notícias sobre os temas:

Trabalho e Emprego

Concentração

Emoções

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.