Descoberta da doença de Chagas completa 100 anos

Descoberta da doença de Chagas completa 100 anos
Carlos Chagas conseguiu um feito único na história da medicina
[Imagem: Fiocruz]

Centenário

Há 100 anos, no dia 14 de abril de 1909, o cientista Carlos Chagas encontrou o protozoário Trypanossoma cruzi no sangue de uma menina febril de 2 anos de idade, chamada Berenice, moradora da cidade de Lassance (MG).

Além do agente causador, o cientista também identificou o agente transmissor (o barbeiro) e o modo de transmissão da enfermidade que passaria a ser conhecida mudialmente com o seu próprio nome: doença de Chagas.

Um verdadeiro sucesso

O pesquisador imediatamente comunicou, por carta, a Oswaldo Cruz, diretor do então Instituto de Manguinhos, no Rio de Janeiro. Este, em correspondência enviada a seu amigo Salles Guerra, escreveu, sem economizar euforia: "O Chagas acaba de fazer uma descoberta estrondosa. Verificou a existência de uma tripanossomíase humana e estudou o ciclo evolutivo completo do tripanossoma no organismo do transmissor e no dos vertebrados parasitados. Um verdadeiro sucesso!".

Pouco mais de uma semana depois, em 22 de abril, ao mesmo tempo em que a revista Brasil Médico trazia em suas páginas a descoberta feita em Minas, o feito foi comunicado, em sessão da Academia Nacional de Medicina, por Oswaldo Cruz, que leu um trabalho escrito por Chagas. O cientista estava no norte de Minas promovendo uma campanha contra a malária que atingia operários que trabalhavam na construção de um trecho da Estrada de Ferro Central do Brasil.

O feito de Chagas é considerado único na história da medicina. E a palavra "cruzi" no nome científico do parasito, também descoberto por Chagas, foi uma homenagem a Oswaldo Cruz.


Ver mais notícias sobre os temas:

Gestão em Saúde

Infecções

Vacinas

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.