Descoberto gene responsável pelo envelhecimento precoce da pele

Descoberto gene responsável pelo envelhecimento precoce da pele
A pesquisa fornece evidências sobre como alguns genes possuem um papel importante na manutenção de uma pele mais jovial, abrindo caminho para novos tratamentos antienvelhecimento e antirrugas.
[Imagem: Dösende Frau von de Nicolaes Maes]

Genes da pele jovem

Um grupo internacional de cientistas descobriu uma série de alterações genéticas que poderão permitir a criação de novos tratamentos contra o envelhecimento da pele e novas formas de evitar o surgimento precoce de rugas.

Os pesquisadores descobriram que mutações no gene PYCR1 são responsáveis por uma condição genética rara que resulta no envelhecimento precoce da pele, conhecida vulgarmente como "síndrome da pele enrugada."

A descoberta sugere não apenas que o aumento nos níveis da proteína PYCR1 pode reverter as condições que causam o enrugamento precoce da pele, como também fornece evidências sobre como alguns genes possuem um papel importante na manutenção de uma pele mais jovial.

Reversão dos sinais de envelhecimento

A pesquisa, que acaba de ser publicada na revista Nature Genetics, envolveu a colaboração de 15 hospitais e centros de pesquisas localizados em 13 países.

Utilizando ferramentas de bioinformática, a equipe coordenada pelo Dr. Bruno Reversade, de Cingapura, analisou amostras de DNA coletadas de pessoas do mundo inteiro que apresentaram sinais precoces de envelhecimento da pele.

Os pesquisadores descobriram que o gene PYCR1 no cromossomo 17 desses pacientes apresentava um "defeito". Mutações específicas nesse gene ocasionam condições frequentemente observadas em pessoas idosas, como pele frágil, perda de densidade óssea e catarata.

A pele e os ossos são também os dois tecidos mais fortemente afetados nas pessoas com síndrome da pele enrugada. Como tanto a pele quanto os ossos, em condições normais, possuem elevados níveis da proteína PYCR1, terapias que elevem a atividade da proteína poderão possivelmente reverter o processo de envelhecimento nos indivíduos afetados com a síndrome e retardar o processo nos indivíduos normais.

Prolina

A proteína PYCR1 é localizada na mitocôndria, uma espécie de usina geradora de energia das células, fornecendo a energia necessária para que as células funcionem.

"Nossas descobertas confirmam a importância da função da mitocôndria no processo de envelhecimento," explica o Dr. Reversade. "Inesperadamente, nós verificamos que o metabolismo da PYCR1 é importante na síntese da prolina, um aminoácido envolvido no metabolismo. Tratamentos antirrugas e antienvelhecimento para problemas comuns relacionados com a idade poderão se beneficiar também com a sustentação do metabolismo da prolina."


Ver mais notícias sobre os temas:

Cuidados com a Pele

Terceira Idade

Cirurgias Plásticas

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.