Embrapa produz bebidas pró-bióticas de cereais

Bactérias pró-bióticas

A Embrapa terminou todos os testes laboratoriais de uma nova família de bebidas fermentadas de cereais com bactérias pró-bióticas.

Os pró-bióticos são microrganismos vivos que, quando administrados em quantidades adequadas, trazem benefícios à saúde.

O estudo original foi desenvolvido para a fabricação de bebidas de soja fermentadas, mas acabou evoluindo para bebidas de outros cereais, como aveia, milho, quinoa, centeio, cevada e trigo, que podem ser consumidos por pessoas com intolerância à lactose.

"As bactérias pró-bióticas entram fermentando a bebida. Você tem a conversão dos açúcares da bebida em ácidos e, ao mesmo tempo, um aumento das bactérias pró-bióticas, que vão causar benefícios à saúde, incluindo o equilíbrio da microbiótica intestinal", explicou o pesquisador Eduardo Walter, líder do projeto

Embrapa produz bebidas pró-bióticas de cereais
Os novos alimentos oferecem uma alternativa à tradicional linha à base de soja, que domina o mercado.
[Imagem: Tomas May/Embrapa]

Cereais sem leite

A matéria-prima utilizada na pesquisa foi o extrato em pó dos cereais, em vez do processo tradicional, que parte do grão. Os pesquisadores preferiram usar o pó diluído em água, que já resulta na bebida final. Após a fermentação, ela pode ser misturada a preparados de frutas com sabores variados, como banana, mamão e maçã.

Segundo o pesquisador, a bebida fermentada traz a vantagem de ser associada ao consumo de cereais, ricos em fibras, e o trabalho da Embrapa resultará no oferecimento de bebidas fermentadas alternativas às de soja, que dominam o mercado.

As bebidas de cereais desenvolvidas na pesquisa não são à base de leite. Por isso, podem ser usadas por pessoas que têm intolerância à lactose.

A Embrapa agora está procurando parceiros no setor de laticínios para fazer a validação industrial dos alimentos, para que eles possam chegar aos consumidores.


Ver mais notícias sobre os temas:

Alimentação e Nutrição

Bactérias

Qualidade de Vida

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.