Erros no planejamento e nas compras podem ser evitados com segunda estimativa

Caia na real

As pessoas frequentemente se esquecem de que o mundo não é um lugar ideal quando fazem previsões sobre o prazo que levarão para completar um projeto, quanto irão economizar em um determinado período e até mesmo quanto tempo elas se exercitarão a cada semana.

Contudo, uma lembrança sutil da diferença entre previsões ideais e realísticas pode garantir uma segunda estimativa mais precisa.

Assim, da próxima vez que o marceneiro lhe disser que a instalação da sua cozinha levará duas semanas, você deve simplesmente pedir a ele para "cair na real" e lhe dar uma estimativa mais realista.

A conclusão é de um estudo feito por pesquisadores das universidades Duke e Wisconsin, ambas nos Estados Unidos.

Superotimismo

Em uma série de experimentos, Kurt Carlson e Robin Tanner descobriram que as pessoas são consistentemente superotimistas quando precisam prever seu comportamento futuro.

Mas eles também descobriram que o problema pode ser sanado pedindo-se à pessoa para fazer duas previsões: uma na qual eles poderiam completar a tarefa "em um mundo ideal" e, a seguir, quanto tempo eles estimam que gastariam "de fato".

Os participantes da pesquisa que responderam às duas questões inflaram suas expectativas no cenário do mundo ideal, mas deram estimativas bem mais realistas em resposta à questão feita a seguir.

Pergunte de novo

"Perguntando às pessoas sobre seu desempenho em um mundo ideal e, a seguir, perguntando-lhes como elas se sairiam sem referência ao mundo real, nós fazemos com que as pessoas pensem sobre fatores que poderão atrapalhar seu desempenho," diz Tanner. "É uma forma de ajudar as pessoas a considerarem os muitos fatores que podem impedi-las de atuarem como gostariam."

"Nós sempre soubemos que as pessoas subestimam o tempo que levarão para completar um trabalho, mas até agora não sabíamos como lidar com isso. Agora nós sabemos," afirmam os pesquisadores.


Ver mais notícias sobre os temas:

Consumo Responsável

Trabalho e Emprego

Educação

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.