Exame de sangue dá resultado por escrito automaticamente

Exame de sangue dá resultado por escrito... em sangue
O resultado sai em poucos segundos, em uma mensagem clara e legível - escrita pelo próprio sangue do paciente.
[Imagem: Li et al./Angewandte Chemie]

Escrito em sangue

Pesquisadores australianos inventaram um exame que mostra o tipo de sanguíneo de uma pessoa por escrito.

Similar aos exames de gravidez, o novo kit foi projetado para ser usado pela própria pessoa, que só precisa colocar uma gota de sangue no papel.

O resultado sai em poucos segundos, em uma mensagem clara e legível - escrita pelo próprio sangue do paciente.

Janelas de papel

Como as técnicas convencionais de tipagem sanguínea, usada pelos laboratórios, o novo kit é baseado no fato de que os glóbulos vermelhos do sangue se aglutinam quando encontram anticorpos dirigidos contra seus antígenos.

O papel é impresso com uma camada hidrofóbica com quatro "janelas" deixadas abertas - são essas janelas que contêm os anticorpos para os diversos tipos sanguíneos.

Na janela que contém o anticorpo correspondente ao sangue depositado, os glóbulos vermelhos se aglutinam e, ao formar aglomerados, ficam presos nas fibras do papel, fazendo a mensagem com o resultado aparecer claramente.

Você pode até lavar o papel que o resultado não vai mais sair.

Sistema ABO

Embora existam alguns tipos sanguíneos muito raros, os tipos sanguíneos são mais comumente classificados pelo sistema ABO, que tipifica sangues A, B, AB e O.

Pessoas com sangue tipo A têm antígeno tipo A, aquelas com sangue tipo B têm antígenos B, indivíduos com sangue AB têm os dois tipos de antígenos e, finalmente, quem tem sangue tipo O não tem nenhum antígeno.

O sistema é também usado para indicar se os glóbulos vermelhos têm fator Rhesus D (RhD positivo) ou não (RhD negativo).


Ver mais notícias sobre os temas:

Exames

Sistema Circulatório

Transplantes

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.