Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

26/08/2015

Fármaco antiobesidade sequestra a gordura no intestino

Redação do Diário da Saúde

Polímeros sequestrantes de micelas

Uma nova classe de compostos chamados "polímeros sequestrantes de micelas", ou PSMs, promete ajudar a enfrentar a epidemia global de obesidade.

Esses compostos impedem que as partículas de gordura sejam absorvidas no corpo e, assim, potencialmente podem reduzir o ganho de peso.

Cory Berkland e seus colegas da Universidade do Kansas (EUA) projetaram uma classe de polímeros que captura partículas de gordura, chamadas micelas, ainda nos intestinos, de modo que elas não sejam absorvidas pelo organismo.

Em vez disso, elas passam através do intestino e são excretadas.

Fármaco antiobesidade sequestra a gordura no intestino
Os polímeros sequestrantes de micelas (marcados com a sigla MSP na ilustração) capturam as partículas de gordura, que são então eliminadas. [Imagem: ACS BioMacromolecules]

Tratamentos de longo prazo

Como os PSMs não absorvidos passam através do corpo, os pesquisadores afirmam que eles podem representar uma abordagem segura para tratamentos a longo prazo.

Nos testes, realizados em camundongos, os animais que tomaram esses PSMs (polímeros sequestrantes de micelas) apresentaram de nove a 10 vezes menos triglicérides - a principal gordura ingerida pela dieta - em suas fezes do que os animais de controle.

Apesar dos resultados promissores, ainda não há previsão do início dos testes desses compostos em humanos.

Os resultados foram publicados na revista científica ACS Biomacromolecules.


Ver mais notícias sobre os temas:

Obesidade

Alimentação e Nutrição

Dietas e Emagrecimento

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

O que é melhor: Meditação ou Férias?

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Carne e barbatana de tubarão contêm altos níveis de neurotoxinas

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão