Chinesa de 60 anos dá à luz gêmeas após perder filha única

Chinesa de 60 anos dá à luz gêmeas após perder filha única
Mulher decidiu engravidar após a morte da filha de 28 anos, no ano passado.
[Imagem: BBC/CFP]

Grávida mais velha

Uma mulher chinesa de 60 anos que, no ano passado, perdeu uma filha de 28 anos, deu à luz duas filhas gêmeas nesta terça-feira em Hefei, no leste do país, segundo relato publicado no diário China Daily.

Segundo o jornal, ela bateu o recorde como a mulher mais velha a dar à luz na China.

Aplacar a dor

A mulher, identificada pelo jornal pelo pseudônimo Cheng Li, teria decidido passar por uma fertilização in-vitro para aplacar a dor causada pela morte da filha única, Tingting, e do genro, no ano passado, por causa de um vazamento de gás.

Segundo Cheng, seu marido, inicialmente, foi contra a ideia, mas acabou cedendo à sua vontade.

Cesariana

As gêmeas nasceram com 34 semanas de gestação, em um parto por cesariana. Segundo o jornal, as duas estão em uma incubadora no hospital em Hefei, em um procedimento padrão em partos prematuros, mas passam bem.

Após o nascimento, Cheng disse que sua gravidez havia cumprido seu objetivo.

"O choro delas (das gêmeas) lembra o da minha filha morta, o que é muito nítido", afirmou.

Segundo ela, o nascimento deu a ela e ao marido "a coragem para continuar vivendo".

"Apesar de sermos idosos, temos confiança de que poderemos criá-las", disse.


Ver mais notícias sobre os temas:

Gravidez

Cuidados com a Família

Cuidados com o Recém-nascido

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.