Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

18/01/2013

Mulheres devem esperar um ano para engravidar após cirurgia bariátrica

Redação do Diário da Saúde

Gravidez e cirurgia bariátrica

Mulheres submetidas a cirurgia para perda de peso devem esperar pelo menos 12 meses antes de tentar ter um bebê.

Além disso, elas precisam de informações detalhadas e aconselhamento sobre questões reprodutivas.

A recomendação foi feita por especialistas que revisaram casos documentados em artigos científicos sobre o assunto.

O levantamento focou-se na segurança, vantagens e limitações da cirurgia bariátrica envolvendo as pacientes antes, durante e após a gravidez.

Os especialistas disseram-se preocupados com a crescente associação entre gravidez e cirurgia bariátrica na medida que a obesidade já atinge 24,2% das mulheres em idade reprodutiva, número que deverá chegar a 28,3% em 2015.

Melhor que obesidade

A obesidade aumenta o risco de complicações obstétricas.

Assim, a gravidez após a cirurgia bariátrica é mais segura do que a gravidez de mulheres com obesidade mórbida, afirma o estudo.

Um estudo anterior, abordando a gravidez após a cirurgia de redução do estômago, mostrou que 79,2% das participantes não apresentaram nenhuma complicação durante a gravidez, ainda que 20,8% dos "outros casos" seja um número elevado.

De fato, pode haver complicações durante a gravidez após a cirurgia bariátrica.

Outro estudo documentou a ocorrência de deslizamento e migração da banda gástrica, o que resulta em vômitos severos - o vazamento da banda foi relatado em 24% das gestações.

Informações sobre os riscos

Com base em todas as evidências, os especialistas recomendam que as pacientes não devem engravidar pelo menos por 12 meses após a cirurgia bariátrica.

"A gravidez após a cirurgia bariátrica é mais segura do que a gravidez em mulheres com obesidade mórbida. As mulheres que fizeram cirurgia bariátrica geralmente toleram bem a gravidez. No entanto, há riscos envolvidos e as pacientes devem estar bem informadas," disse o Dr. Jason Waugh, responsável pela publicação do estudo.


Ver mais notícias sobre os temas:

Gravidez

Obesidade

Saúde da Mulher

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Vacina contra dengue pode fazer mais mal que bem em alguns locais

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão

Carne vermelha todo dia faz mal? Especificamente que mal?