Grosseria no trabalho aumenta erros dos funcionários

Erros grosseiros

Se alguém é rude com você, ou se você testemunha grosserias no ambiente de trabalho, você estará mais propenso a cometer erros.

Este é o alerta da Dra. Rhona Flin, da Universidade de Aberdeen, em um artigo publicado no British Medical Journal desta semana.

A pesquisadora acredita que a ligação entre grosseria e erros é especialmente preocupante nos serviços de saúde, onde o problema pode representar uma ameaça à segurança dos doentes e impactar a qualidade dos cuidados dispensados aos pacientes.

Operação perigo

A pesquisa da Dra Flin sugere que, em áreas restritas, como salas de cirurgia, até mesmo presenciar uma grosseria entre os colegas pode prejudicar as habilidades dos membros da equipe.

"Nos ambientes cirúrgicos, todos os funcionários precisam de altos níveis de atenção e memória para a execução das tarefas. Se a falta de civilidade ocorre em salas de cirurgia e afeta a capacidade dos trabalhadores para executar suas tarefas, os riscos para os pacientes - cujo tratamento depende particularmente dos elevado níveis de concentração mental e da execução da tarefa sem falhas - vão aumentar," diz ela.

Grosseria no trabalho

E a grosseria no trabalho não é algo tão incomum quanto se possa pensar. Em um levantamento de 391 equipes de cirurgia, 66% dos entrevistados disseram ter sido vítimas de "comportamento agressivo" por parte dos enfermeiros, e 53% por parte dos cirurgiões, durante os últimos seis meses.

Desentendimentos entre os cirurgiões e enfermeiros foram relatados por 63% dos entrevistados, e as divergências entre as enfermeiras da sala de cirurgia e as enfermeiras da ala foram relatadas por 58%.

Entrevistas com enfermeiros também indicaram que, às vezes, eles eram obrigados a tolerar o temperamento ruim e as birras dos cirurgiões.

"As pessoas preocupadas com a segurança dos pacientes devem observar que a civilidade entre os trabalhadores podem ter mais benefícios do que apenas uma atmosfera harmoniosa," conclui a pesquisadora.


Ver mais notícias sobre os temas:

Trabalho e Emprego

Cirurgias

Relacionamentos

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.