Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

02/03/2015

Instituto do Câncer abre Centro de Simulação Realística

Com informações da SES e Icesp

Pacientes robôs

O Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), unidade ligada à Secretaria de Estado da Saúde e à Faculdade de Medicina da USP, inaugurou um dos maiores Centros de Simulação Realística em Saúde (CSRS) do país.

O laboratório é voltado para o ensino dos profissionais da área oncológica - que lidam com câncer. Com investimento de R$ 1,5 milhão, a nova área beneficiará profissionais de toda a Rede Oncológica do Estado.

As simulações de atendimento vão utilizar cenários clínicos em um ambiente controlado e seguro, onde os profissionais terão as mesmas dificuldades encontradas em um caso real.

Os bonecos usados são uma espécie de robô, capazes de imitar os mesmos sintomas e sinais vitais de um ser humano, como abertura ocular espontânea, sons cardíacos, movimento pulmonar, podendo ainda transpirar, tossir e vomitar.

Além dos robôs de última geração, que respondem a estímulos como um paciente, o Centro ainda conta com outros equipamentos de treinamento, entre manequins adultos, jovens, bebês e partes do corpo humano.

Simulações médicas

As novas instalações permitirão realizar simulações de procedimentos de alta complexidade como intubação, manipulação de cateteres, ressuscitação cardiopulmonar, administração de medicação intravenosa e outros procedimentos.

As salas de treinamento são idênticas aos leitos do próprio hospital, os consultórios médicos e até os banheiros. Dentro dos cenários de atendimento o profissional vivencia o estresse da tomada de decisão que enfrentará no dia a dia. As cenas geradas são revistas e debatidas em grupo, possibilitando o aprendizado a partir das discussões.

"Temos no hospital, pacientes críticos e que estão sujeitos a inúmeras intercorrências durante o tratamento oncológico. O objetivo do treinamento é capacitar nossos profissionais para lidarem com os imprevistos de maneira rápida e mais organizada, proporcionando qualidade e melhoria na assistência", destaca Paulo Hoff, diretor geral do Icesp.


Ver mais notícias sobre os temas:

Atendimento Médico-Hospitalar

Robótica

Câncer

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Cientistas dizem ter descoberto cura definitiva para alcoolismo

Vacina contra dengue pode fazer mais mal que bem em alguns locais

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão

Carne vermelha todo dia faz mal? Especificamente que mal?