Nascido no céu: Mulher dá à luz em pleno voo

Nascendo no céu

Uma bebê nasceu nesta madrugada a bordo de um avião da companhia espanhola Iberia que fazia um voo entre a capital da Guiné Equatorial, Malabo, e Madri.

O voo 3721 decolou às 0h10 desta sexta-feira e o nascimento da criança se deu às 3h30.

Segundo um comunicado da Iberia, o parto foi muito rápido e o bebê nasceu saudável, com três quilos.

No avião Airbus 319 estavam por acaso uma parteira e dois médicos, incluindo um pediatra, que durante todo o momento atenderam a mulher, com ajuda do pessoal de bordo.

Quando o avião pousou no aeroporto de Madri, às 7h da manhã, uma ambulância já estava preparada para receber a recém-nascida e a mãe.

Maternidade voadora

"Não é a primeira vez que nascem crianças a bordo de um avião da Iberia. Na realidade, este é o quinto parto da história da companhia", disse a Iberia em sua página no site Facebook.

"O primeiro teve lugar em um voo Madri-Havana, há mais de 40 anos. Naquela época, também foi uma menina, Loreto, com quem temos o prazer de contar entre nossos seguidores do Facebook."

Segundo a companhia, hoje a associação internacional de transporte aéreo, a Iata, recomenda que as mulheres grávidas não viajem de avião a partir da 36ª semana de gestação.

Se a viagem for estritamente necessária, a gestante deve obrigatoriamente consultar um médico, a quem caberá a decisão final de autorizar ou não o deslocamento.


Ver mais notícias sobre os temas:

Cuidados com o Recém-nascido

Gravidez

Saúde da Mulher

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.