Músicas inspiradoras melhoram capacidade mental

Músicas inspiradoras melhoram capacidade mental
"Nosso estudo mostra que há um efeito indireto da música sobre a cognição que é criado por meio do humor, do alerta e da emoção."
[Imagem: Northumbria University]

Cerebral e emocional

Músicas inspiradoras, como as Quatro Estações, de Vivaldi, induzem um estado do alerta mental mais aprimorado.

No caso das Quatro Estações, particularmente o primeiro movimento, capaz de gerar enlevo e "elevação", resultou em uma melhoria tanto do estado de atenção quanto da memória.

O aspecto mais importante dos dados neurológicos coletados dos voluntários foi que a música deu origem a um aprimoramento de um aspecto cerebral relacionado com a capacidade de resposta emocional.

"O movimento da Primavera reforça a atividade global no interior do cérebro, mas teve um efeito exagerado sobre a área do cérebro que é importante para o processamento emocional. Parece que ele gera imagens especiais no cérebro e evoca sentimentos positivos e de satisfação que se traduziram em níveis mais elevados de funcionamento cognitivo," diz o Dr. Leigh Riby, da Universidade Northumbria (Reino Unido).

O estilo da música parece ser crucial para o resultado: quando ouviam a Primavera, a média do tempo de resposta dos voluntários às tarefas foi de 393 milissegundos, número que passou para 413 milissegundos quando ouviam o mais melancólico Outono.

"Nosso estudo mostra que há um efeito indireto da música sobre a cognição que é criado por meio do humor, do alerta e da emoção," diz o pesquisador.

"Este experimento mostra que a capacidade cognitiva melhora quando são introduzidos estímulos agradáveis e estimulantes," disse ele.

As conclusões não parecem tão surpreendentes quando se leva em conta as descobertas mais recentes de que o próprio cérebro usa uma espécie de música para processar os sinais neurais, e que a música é capaz até mesmo de sincronizar os cérebros de duas pessoas.


Ver mais notícias sobre os temas:

Mente

Cérebro

Meditação

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.