Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

10/04/2012

O que fazer quando alguém bate a cabeça?

Redação do Diário da Saúde

Pancadas na cabeça

Você não precisa ser lutador de boxe para sofrer uma concussão cerebral e nem cabeceador profissional para sentir os impactos diretamente em seu cérebro.

Milhões de pessoas sofrem lesões cerebrais no seu dia-a-dia, em quedas no banheiro, em uma calçada mal pavimentada ou simplesmente batendo a cabeça em um parque de diversões.

A maioria dessas ocorrências envolve crianças, adolescentes e adultos acima de 65 anos.

E o que fazer quando isto acontece?

O que fazer quando alguém bate a cabeça? 
"Dormir ajuda a pessoa a se recuperar de uma concussão cerebral. Mas essas pessoas não devem ser deixadas sozinhas na primeira noite e devem ser levadas ao médico no dia seguinte." [Imagem: Ithaca College]

Como cuidar de alguém que bateu a cabeça?

Esclarecer isto é a intenção do Dr. Chris Hummel, da Universidade Ithaca, em Nova Iorque (EUA), principalmente porque há muitos mitos e descobertas recentes que colocaram de cabeça para baixo as recomendações médicas na área.

Por exemplo, se você for chamado à escola porque seu filho acabou de bater a cabeça, você vai permitir que a criança durma enquanto você dirige até o médico?

"Houve uma época em que deixar uma pessoa que sofreu uma concussão adormecer era considerado um risco de vida," disse Hummel.

"Mas as pesquisas atuais mostram o contrário. Dormir é realmente a melhor coisa para um indivíduo que levou uma pancada na cabeça. O descanso físico e mental ajuda a pessoa a se recuperar de uma concussão," esclarece o pesquisador.

Ele acrescenta que cuidar de concussões, sobretudo aquelas que levam a um estado de choque, é muito complicado e deve ser feito apenas por pessoas com treinamento especializado nesse tipo de acidente.

Ainda assim, é importante que os pais, amigos, colegas e parentes saibam a diferença entre fato e ficção quando o assunto são os cuidados básicos que envolvem pessoas que levaram pancadas na cabeça.

O que fazer quando alguém bate a cabeça?
"Se uma pessoa descreve uma dor de cabeça ou tonturas, mostra sinais de problemas de equilíbrio, ou dificuldade para lembrar-se das coisas, assuma que o indivíduo teve uma concussão cerebral e leve-a para uma avaliação por pessoal médico qualificado." [Imagem: Ithaca College]

FICÇÕES

Uma tomografia computadorizada normal consegue descartar uma lesão cerebral

"Uma concussão resulta de um evento neurometabólico causado pelo trauma," explica Hummel. "De forma bem simples, há um desequilíbrio dos produtos químicos necessários, ou do combustível que ajuda o funcionamento do cérebro quando alguém sofre uma concussão.

"Isso não é uma lesão estrutural, então uma tomografia computadorizada não vai identificá-la. A tomografia computadorizada consegue visualizar apenas danos estruturais."

Um indivíduo que tenha ficado inconsciente sofreu um dano pior do que alguém que não perdeu a consciência

"Uma pessoa não tem que ser nocauteada para ter tido uma concussão grave," disse Hummel. "Em alguns casos, as pessoas que ficam inconscientes podem sofrer traumas menos graves. Em ambos os casos, a gravidade da lesão não pode ser definida por dias ou semanas."

Um impacto de grau um é menos grave do que um choque de grau três

"Nós costumávamos classificar as concussões em graus durante o diagnóstico inicial, mas não fazemos mais isto porque agora sabemos que é difícil avaliar com precisão a gravidade de uma concussão imediatamente," esclarece Hummel. "Temos que esperar e ver como os sintomas desaparecem com o tempo antes que possamos determinar se a concussão é grave ou não."

Quanto maior é o impacto, maior é o dano cerebral

"Nem sempre um forte impacto na cabeça produz uma lesão cerebral," disse Hummel. "Qualquer contato com a cabeça ou com o corpo que force um movimento rápido da cabeça pode causar uma concussão cerebral."

Uma pessoa pode voltar a trabalhar logo depois de uma concussão

"Não," diz Hummel. "Normalmente, leva de uma a duas semanas para os sintomas da concussão desaparecerem e para o cérebro voltar a funcionar a plena capacidade.

"Não é só porque alguém afirma que tudo 'clareou' novamente que deve retomar suas atividades normais. Isso pode não ser seguro."

Capacetes evitam lesões cerebrais

"Capacetes para ciclistas, skatistas e trabalhadores da construção civil são projetados para prevenir fraturas no crânio, e não lesões cerebrais," esclarece Hummel.

"Se um capacete se ajusta e está adequadamente colocado, ele pode reduzir o risco ou a gravidade dos danos, mas um capacete não é capaz de evitar uma concussão cerebral, ainda!"

O que fazer quando alguém bate a cabeça?
Se você desconfia que alguém teve uma concussão cerebral, trate-a como se tivesse certeza que ela tenha tido o evento, aconselha o Dr. Chris Hummel. [Imagem: Ithaca College]

FATOS

Um indivíduo que teve uma lesão cerebral tem maior probabilidade de ter outra do que uma pessoa que nunca sofreu um acidente desse tipo

"Uma vez que alguém teve uma concussão, o limiar para sofrer outra concussão pode ser diminuído. Além disso, se uma pessoa sofre outro golpe antes de estar totalmente recuperada, os sintomas resultantes podem ser agravados e resultarem em uma recuperação mais prolongada.

"Há também um fenômeno raro, chamado Síndrome do Segundo Impacto, que pode causar diminuição do fluxo sanguíneo cerebral, ou mesmo a morte, se um indivíduo sofrer outro trauma antes de ter-se recuperado completamente."

Concussões devem ser tratadas e administradas em uma base individual

"O cérebro é um órgão incrivelmente complexo, o mesmo acontecendo com os processos neuroquímicos que o governam," disse Hummel. "Não há duas concussões exatamente iguais, da mesma forma que os cérebros de dois indivíduos quaisquer nunca são idênticos."

Se você suspeitar que alguém teve uma concussão, assuma que é uma concussão

"Se uma pessoa descreve dor de cabeça ou tonturas, mostra sinais de problemas de equilíbrio, ou dificuldade para lembrar-se das coisas, assuma que o indivíduo teve uma concussão cerebral e leve-a para uma avaliação por pessoal médico qualificado," concluiu Hummel.


Ver mais notícias sobre os temas:

Acidentes

Cérebro

Neurociências

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Conferência mundial discutirá segurança dos alimentos geneticamente modificados

Chá verde melhora conectividade do cérebro

Vaginas produzidas em laboratório são implantadas em pacientes

Xixi com cloro da piscina faz mal mesmo

Brasil desvaloriza parto normal e sagra-se campeão mundial de cesáreas