Óleo de café verde reduz peso e traz outros benefícios

Óleo de café verde reduz peso e traz outros benefícios
O óleo de café verde é obtido por um método de extração limpo, que não deixa resíduos de solventes orgânicos nos extratos.
[Imagem: Nathan Leibel/Wikimedia Commons]

Um estudo realizado na USP, campus de Pirassununga (SP), mostrou que o óleo de café verde ocasiona a perda de peso.

O experimento foi feito em camundongos, mas os pesquisadores afirmam que existe a possibilidade do uso do óleo como fitoterápico para a redução de peso também em pessoas.

"O nosso trabalho levantou informações sobre o óleo de café verde, no entanto ainda são necessários mais estudos para comprovar a viabilidade da aplicação do óleo em medicamentos, cosméticos e alimentos funcionais," ressalta a pesquisadora Naila Albertina de Oliveira.

Ao contrário do café comum, o óleo de café, extraído da fruta ainda verde, possui baixo nível de cafeína.

Benefícios metabólicos e cardiovasculares

Foram feitos dois testes de dosagem com os animais. No primeiro, eles receberam uma dose única de 2.000 mg/kg (miligramas de óleo de café verde por quilograma de peso dos animais) e acompanhamento por 14 dias das reações, período no qual foi observada uma redução significativa do consumo de ração pelos animais.

No segundo teste, durante 28 dias, três diferentes grupos de animais receberam as dosagens de 25 mg/kg, 50 mg/kg e 75 mg/kg. Os três grupos receberam ração na mesma quantidade do grupo controle - animais que não ingeriram o óleo de café.

"Verificamos que, quanto maior a dose do óleo de café verde, maior foi a perda de peso dos animais em relação àqueles que não ingeriram a substância", conta Naila.

"Também houve de redução dos níveis de glicose e triglicérides séricos. Estes efeitos são muito interessantes e compatíveis com os efeitos benéficos descritos para componentes do café", acrescenta o professor Heidge Fukumasu.

Óleo de café verde reduz peso e traz outros benefícios
Estudos mostram que o consumo habitual de café melhora a saúde e previne doenças.
[Imagem: Marcos Santos/USP Imagens]

Riscos de toxicidade

O foco principal do trabalho foi analisar a toxicidade do óleo de café verde, rico em diterpenos, uma substância com atividade protetora contra os efeitos da quimioterapia.

Saber se uma substância é tóxica ao organismo é o primeiro passo para descobrir se ela poderá ou não ser administrada em pessoas ou animais, como um medicamento ou mesmo um alimento.

Embora o estudo de toxicidade aguda - uma superdose única de 2.000 mg/kg de óleo verde - não tenha revelado reações adversas nos animais, o aumento da dosagem (25, 50 e 75 mg/kg) mostrou efeitos que podem ser considerados adaptativos ao uso contínuo do óleo de café verde, mas não exclui a possibilidade de efeitos tóxicos, mostrando a necessidade de estudos adicionais para estimar uma dose segura de administração.

Óleo de café verde

O óleo do café verde empregado na pesquisa foi obtido a partir da técnica de extração com o dióxido de carbono em estado supercrítico, estado no qual o fluído apresenta propriedades intermediárias entre um gás e um líquido e facilita a sua extração.

Esse método de extração é uma tecnologia limpa que não deixa resíduos de solventes orgânicos nos extratos. "Essa técnica também preserva substâncias presentes no café verde in natura, resultando em um óleo rico em ditepernos [cafestol e caveol], componentes com atividades quimioprotetora e importante para a produção de medicamentos," disse a pesquisadora.


Ver mais notícias sobre os temas:

Plantas Medicinais

Medicamentos Naturais

Alimentação e Nutrição

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.