Óleos essenciais de plantas brasileiras combatem bactérias

Óleos essenciais de plantas brasileiras combatem bactérias
A sacaca (Croton cajucara) foi a planta medicinal mais promissora pesquisada até agora, e deverá se tornar a base de um medicamento para a candidíase.
[Imagem: The Board of Trustees of the Royal Botanic Gardens]

Óleos essenciais

Pesquisadores da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) estão identificando plantas da flora brasileira capazes de atuar como antibióticos naturais.

O químico Humberto Ribeiro Bizzo está se concentrando nas propriedades terapêuticas dos chamados óleos essenciais e do extrato de plantas que se mostraram capazes de combater diversas bactérias.

Com base na literatura científica e no emprego que muitas delas têm na medicina popular, a equipe selecionou as seguintes plantas: o breu branco (Protium spp.), árvore que produz uma espécie de resina; a sacaca (Croton cajucara), de origem amazônica; o poejo (Hesperozyges mirtoides) e a alfavaca (Ocimum selloi).

A ideia é aproveitar os mecanismos de defesa das plantas, seja contra outras espécies vegetais ou contra doenças, que se tornam o ponto de partida para o desenvolvimento de novos medicamentos.

"Na natureza, esses mecanismos muitas vezes são substâncias produzidas pelas plantas para se defender contra fungos e bactérias que as atacam", exemplifica Bizzo.

Medicamento para candidíase

Os resultados mostram que todas as plantas selecionadas apresentam atividade antimicrobiana contra a bactéria Staphylococcus aureus, conhecida como uma das principais responsáveis pelas infecções hospitalares, e contra o fungo Candida albicans, causador da candidíase.

"Essa atividade biológica tem sido testada a partir dos óleos essenciais de cada uma das plantas. Em seguida, verificamos a eficácia específica de cada um deles contra cada bactéria ou fungo em análises de crescimento bacteriano in vitro. Durante o procedimento, também avaliamos a quantidade necessária de extrato para a inibição do desenvolvimento da bactéria, ou seja, a concentração inibitória mínima," conta o pesquisador.

O óleo essencial de sacaca, por exemplo, mostrou-se ativo contra Staphylococcus aureus do tipo resistente ao antibiótico meticilina.

"Isso não quer dizer que este óleo seja mais ou menos eficaz do que um determinado antibiótico, já que não efetuamos testes especificamente sobre esse aspecto. Mas ele apresenta ação antimicrobiana para uma cepa de bactérias contra a qual vários antibióticos não produzem efeito," esclarece o pesquisador.

A sacaca também se mostrou a mais eficaz entre as plantas medicinais pesquisadas contra a Candida albicans.

Animados com esses resultados, a equipe espera começar a desenvolver um medicamento tópico com base nessa planta, para o tratamento da candidíase.


Ver mais notícias sobre os temas:

Plantas Medicinais

Medicamentos Naturais

Bactérias

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.