Pessoas otimistas têm coração mais saudável

Pessoas otimistas têm coração mais saudável
Rosalba Hernandez destaca que mesmo uma diferença moderada na saúde cardiovascular se traduz em uma redução significativa nas taxas de mortalidade.
[Imagem: L. Brian Stauffer]

Otimismo e coração

As pessoas que têm perspectivas otimistas sobre a vida têm significativamente melhor saúde cardiovascular, segundo um novo estudo que analisou a associação entre otimismo e saúde do coração.

"Indivíduos com níveis mais altos de otimismo têm o dobro de chance de estar com a saúde cardiovascular ideal em comparação com os seus pares mais pessimistas," resume Rosalba Hernandez, pesquisadora da Universidade de Illinois (EUA).

"Esta associação continua a ser significativa mesmo após o ajuste para as características sociodemográficas e má saúde mental," continua Hernandez, que incluiu mais de 5.100 adultos em seu estudo.

A saúde cardiovascular dos participantes foi avaliada através de sete métricas: pressão arterial, índice de massa corporal, glicemia e colesterol sérico em jejum, ingestão alimentar, atividade física e uso de tabaco.

Os dados mostraram que a nota total de saúde dos voluntários aumenta lado a lado com os seus níveis de otimismo.

Seja otimista, seu coração vai ficar bem

As pessoas mais otimistas apresentaram duas vezes mais propensão a ter uma saúde cardiovascular ideal e 55% mais propensão a ter uma pontuação total em saúde na faixa intermediária.

Os otimistas apresentaram melhores níveis de açúcar no sangue e menores níveis de colesterol total do que os pessimistas ou não otimistas. Eles também são mais ativos fisicamente, apresentam índices de massa corporal mais saudáveis e são menos propensos a fumar.

Outros estudos já haviam concluído que o otimismo fortalece o sistema imunológico, melhora saúde e faz viver mais.


Ver mais notícias sobre os temas:

Emoções

Coração

Qualidade de Vida

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.