Quem tem melhor memória - homem ou mulher?

Quem tem melhor memória - homem ou mulher?
Há indícios de que seja necessário ligar a memória para nos lembrarmos das coisas que precisamos.
[Imagem: Mayank Mehta]

Memória feminina

As mulheres sempre reivindicaram uma capacidade superior à dos homens para se lembrar das coisas - elas se lembram mais e por mais tempo do que os homens.

De fato, um comparativo entre diversas faixas etárias mostra que elas têm razão: Até a meia-idade, as mulheres superam os homens de idade equivalente em todas as medidas de memória.

A ressalva é que a memória feminina diminui à medida que termina seu período de menopausa. Além disso, as mulheres estão desproporcionalmente em maior risco de comprometimento da memória e de desenvolverem demência do que os homens.

A perda de memória, infelizmente, é uma consequência bem documentada do processo de envelhecimento: Estimativas epidemiológicas sugerem que aproximadamente 75% dos idosos relatam problemas relacionados à memória.

Memória depois da menopausa

Apesar dos prognósticos contrários, as mulheres de meia-idade ainda superam seus equivalentes masculinos com idade semelhante em todas as avaliações de memória.

Além de comparar as diferenças por sexo, o estudo também mostrou que as mulheres antes e durante o período da menopausa superam as mulheres pós-menopáusicas em uma série de áreas importantes ligadas à memória.

Declínios nos níveis de estradiol nas mulheres pós-menopáusicas foram especificamente associados com taxas mais baixas de aprendizagem e recuperação de informações, ainda que o armazenamento e consolidação da memória se mantivessem.

"O 'nevoeiro cerebral' e queixas de problemas de memória devem ser levados a sério. Este estudo e outros mostraram que estas queixas estão mesmo associadas com déficits de memória," disse a Dra. JoAnn Pinkerton, da Sociedade Norte-Americana de Menopausa.


Ver mais notícias sobre os temas:

Memória

Saúde da Mulher

Saúde do Homem

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.