Refrigerantes matam 184 mil todos os anos, diz estudo

Um novo estudo calculou em 184.000 as mortes globais por ano associadas ao consumo de refrigerantes e outras bebidas adoçadas artificialmente.

Com o crescimento mundial do problema da obesidade, a atenção tem-se voltado cada vez mais para os efeitos danosos do excesso de açúcar ingerido pela população.

E os refrigerantes parecem ser os vilões nesse quesito.

Morrendo docemente

A equipe do Dr. Gitanjali Singh (Universidade de Harvard, EUA) examinou dados de pesquisas que cobrem 60% da população mundial para obter uma imagem global do consumo de bebidas com adição de açúcar.

Eles calcularam as taxas de obesidade decorrentes do consumo das bebidas açucaradas e, em seguida, o número de mortes por doenças relacionadas com a obesidade.

O resultado é que 184.000 mortes por ano podem ser associadas ao consumo das bebidas açucaradas.

O diabetes é responsável por cerca de 70% dessas mortes, enquanto as doenças cardíacas e certos cânceres respondem pelo restante.

O estudo mostra apenas uma associação entre mortes e bebidas açucaradas, sem estabelecer uma causalidade explícita.

Mas Rachel Johnson, da Universidade de Vermont, que comentou o estudo, afirma que a ideia de uma ligação real é biologicamente plausível.

Danos à saúde causados pelos refrigerantes

Estudos mostram que os refrigerantes e assemelhados aumentam o risco genético da obesidade, aumentam a pressão arterial e causam superdimensionamento muscular. Mesmo os refrigerantes diet aumentam o risco cardiovascular.

Recentemente, médicos britânicos pediram que os refrigerantes fiquem mais caros para inibir o consumo e combater a obesidade

O estado de Nova Iorque, nos EUA, chegou a banir as garrafas grandes de refrigerantes, mas a medida está suspensa judicialmente.

Os danos potenciais à saúde do consumo exagerado de açúcar são tão grandes que uma equipe norte-americana propôs que o consumo de açúcar seja controlado como ocorre com o cigarro e o álcool.


Ver mais notícias sobre os temas:

Alimentação e Nutrição

Obesidade

Dietas e Emagrecimento

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.