Suco de beterraba diminui pressão arterial

Suco de beterraba diminui pressão arterial
O suco de beterraba contém cerca de 0,2 grama de nitrato, um nível que se pode encontrar em uma grande bacia de alface ou em duas beterrabas.
[Imagem: Wikimedia/MOs810]

Um copo de suco de beterraba por dia pode ajudar a reduzir a pressão arterial - hipertensão, ou pressão alta.

Os voluntários com pressão arterial elevada que beberam cerca de 240 mililitros (ml) de suco de beterraba apresentaram uma diminuição da pressão arterial de cerca de 10 mm Hg.

"Nossa esperança é que um aumento na ingestão de legumes com um teor elevado de nitrato na dieta, tais como vegetais de folhas verdes ou de beterraba, possa ser uma abordagem no estilo de vida que se pode facilmente utilizar para melhorar a saúde cardiovascular," disse Amrita Ahluwalia, da Escola de Medicina de Londres, uma das autoras do estudo publicado no jornal da Associação Norte-Americana do Coração.

O suco de beterraba contém cerca de 0,2 grama de nitrato, um nível que se pode encontrar em uma grande bacia de alface ou em duas beterrabas.

No corpo, o nitrato é convertido em um composto químico chamado nitrito e, em seguida, em óxido nítrico no sangue.

O óxido nítrico é um gás que alarga os vasos sanguíneos, auxiliando o fluxo do sangue.

"Ficamos surpresos com a pequena quantidade de nitrato necessária para resultar em um efeito tão grande", disse Ahluwalia.

"Este estudo mostra que, em comparação com indivíduos com pressão arterial saudável, muito menos nitrato é necessário para produzir reduções na pressão arterial capazes de gerar benefícios clínicos em pessoas que precisam reduzir a pressão arterial. Entretanto, ainda é incerto se este efeito é mantido a longo prazo," conclui a pesquisadora.

De acordo com o manual da Sociedade Brasileira de Hipertensão, uma dieta rica em potássio ajuda a controlar a pressão arterial.

Alimentos como feijão, ervilha, vegetais de cor verde-escuro, banana, melão, cenoura, beterraba, frutas secas, tomate, batata inglesa e laranja são indicados por serem ricos em potássio e pobres em sódio.


Ver mais notícias sobre os temas:

Alimentação e Nutrição

Coração

Sistema Circulatório

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.