Torcedores precisam sofrer para gostar de um jogo

Torcedores precisam sofrer para gostar de um jogo
A maior satisfação possível para um torcedor que está assistindo seu time jogar só vem após uma forte dose de medo da derrota, em uma intensidade que se aproxime do desespero.
[Imagem: Wikimedia/Tales.ebner]

Sofrer é preciso

A maior satisfação possível para um torcedor que está assistindo seu time jogar só vem após uma forte dose de medo da derrota, em uma intensidade que se aproxime do desespero.

Estudando torcedores de dois times universitários que disputavam a final do campeonato anual, os pesquisadores descobriram que os torcedores do time vencedor que acharam o jogo mais emocionante e mais sensacional eram os mesmos que, no decorrer do jogo, tinham quase certeza de que seu time iria perder.

Importância das emoções negativas

"Você não pode querer ficar de bom humor no decorrer de todo o jogo se você quiser realmente desfrutá-lo," explica Silvia Knobloch-Westerwick, da Universidade do Estado de Ohio, nos Estados Unidos.

"Nós descobrimos que as emoções negativas desempenham um papel fundamental na intensidade com que curtimos os esportes," diz a coautora do estudo, que será publicado na edição de Dezembro do periódico Journal of Communication.

O estudo

Antes do jogo, os torcedores que participaram da pesquisa responderam questionários com perguntas como para quem eles torceriam e quem eles acreditavam que venceria o jogo.

Cada estudante assistiu o jogo no local da sua escolha. Nos intervalos - era um jogo de futebol americano - eles se logavam em um site para responder questões sobre a chance que eles acreditavam que seu time tinha de vencer, quão emocionante estava o jogo e como eles estavam se sentindo no momento, se positivamente ou negativamente.

A necessidade de sofrer

Os resultados demonstraram que as emoções negativas sentidas no decorrer do jogo são essenciais para determinar, ao final, o quanto cada torcedor curtiu de fato o jogo.

"Quando as pessoas pensam sobre entretenimento, elas pensam que tudo tem que ser prazeroso e divertido. Mas a diversão nem sempre significa emoções positivas o tempo todo," dizem os pesquisadores.

"Algumas vezes, o desfrutar o entretenimento vem de se experimentar uma emoção negativa, posteriormente seguida por uma emoção positiva," afirmam.

Emoções não se cancelam

Os pesquisadores acreditavam que as emoções positivas e negativas experimentadas durante o entretenimento cancelavam umas às outras. Mas esta pesquisa sugere que as emoções positivas e negativas agem independentemente e contribuem conjuntamente para a sensação da diversão.

"Você precisa das emoções negativas de pensar que seu time vai perder para atingir um nível de nervosismo e excitação," explica Silvia. "Se seu time vence, toda a tensão negativa é repentinamente convertida em energia positiva, que colocará você em um estado eufórico."


Ver mais notícias sobre os temas:

Emoções

Atividades Físicas

Felicidade

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.