Treinar mentalmente uma tarefa é tão eficaz quanto executá-la manualmente

Treinar mentalmente uma tarefa é tão eficaz quanto executá-la manualmente
Elisa Tartaglia e seus colegas demonstraram que o aprendizado perceptual - aprender pela exposição repetitiva a um estímulo - pode ocorrer por meio da imaginação e ser tão eficaz quanto trabalhar diretamente com a coisa real.
[Imagem: Alain Herzog/EPFL]

Treinamento imaginário

A prática faz a perfeição, diz o ditado. Mas e a prática por meio da imaginação? Será o "treinamento imaginário" tão eficaz quanto o treinamento das habilidades manuais?

Sim, é. É o que demonstrou uma pesquisa feita na Escola Politécnica Federal de Lausanne, na Suíça.

Elisa Tartaglia e seus colegas demonstraram que o aprendizado perceptual - aprender pela exposição repetitiva a um estímulo - pode ocorrer por meio da imaginação e ser tão eficaz quanto trabalhar diretamente com a coisa real.

Pensar repetidamente

Os resultados, publicados no último exemplar da revista científica Current Biology, sugerem que pensar repetidamente sobre algo pode ser de fato tão bom quanto executar de fato a tarefa.

"Depois de treinados, os radiologistas são capazes de detectar anomalias nas imagens médicas que são extremamente difíceis de ver por pessoas não treinadas," explica Tartaglia. "Os resultados do nosso estudo propõem que o treinamento por imagens mentais, ou seja, visualizar mentalmente repetidas vezes a anomalia que se quer detectar, seria suficiente para tornar alguém capaz de detectá-las de fato."

Treinamento prático versus treinamento mental

Em uma série de experimentos, os cientistas pediram aos voluntários para praticar na identificação de qual linha, a da direita ou da esquerda, dentre uma série de linhas paralelas, estava mais próxima da linha central. O desempenho de cada um foi registrado.

A seguir, eles passaram por uma etapa de treinamento, em que praticaram a tarefa repetidamente. Numa segunda etapa, posterior aos exercícios de treinamento, esses participantes melhoraram seu desempenho significativamente.

Mas a melhoria também ocorreu com outro grupo de voluntários que, em vez de praticar com as linhas desenhadas, passou por uma etapa de treinamento durante a qual eles apenas imaginavam a proximidade das linhas com base em sons de diferentes frequências.

Este grupo também melhorou seu desempenho significativamente com mais treinamento, significando que o "treinamento imaginativo" é suficiente para o aprendizado perceptual.

Sinapses

Alguns especialistas questionam a relevância da mentalização das imagens nesse tipo de treinamento, que geralmente se considera ser controlado pelo processamento cerebral dos estímulos - sinapses que disparam em resposta a uma sensação física.

O que os pesquisadores suíços demonstraram é que o aprendizado perceptual também ocorre na falta de estimulação física, dispensando as conexões nervosas que se acreditava estar na base da fixação do aprendizado.


Ver mais notícias sobre os temas:

Mente

Memória

Trabalho e Emprego

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.