Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

08/11/2011

Por que o vírus do sarampo é tão contagioso?

Redação do Diário da Saúde

Nectina

Uma equipe internacional de cientistas revelou pela primeira vez como o vírus do sarampo deixa o corpo de uma pessoa para contaminar outra.

Eles identificaram um receptor fundamental, localizado na traqueia, que permite que o vírus se espalhe pelo ar rapidamente, passando de um indivíduo para outro.

O receptor, conhecido como Nectina-4, também é um biomarcador para alguns tipos de câncer.

Localização privilegiada

A descoberta, publicada pela revista Nature, explica porque o vírus do sarampo se espalha tão rapidamente.

Os vírus geralmente usam células receptoras para iniciar a infecção e se espalhar pelo organismo.

Isto também ocorre com o vírus do sarampo, que infecta células do sistema imunológico nos pulmões, sua porta de entrada para infectar todo o corpo.

Este novo estudo mostra pela primeira vez que o vírus do sarampo usa também o receptor Nectina-4 para "deixar" seu hospedeiro.

A Nectina-4 fica localizada na traqueia, o local "ideal" para que o vírus possa prosseguir com seu contágio pelo ar.

Virulência do sarampo

O vírus do sarampo é um dos mais contagiosos que se conhece, muito mais do que outros vírus também transmitidos pelo ar.

Essa virulência tem sido usada para explicar porque o sarampo escapa da erradicação, apesar de campanhas mundiais de vacinação contra a doença.

O Brasil recentemente solicitou a declaração de área livre do sarampo, mas continua tendo casos importados da doença.


Ver mais notícias sobre os temas:

Vírus

Bactérias

Epidemias

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Vacina contra dengue pode fazer mais mal que bem em alguns locais

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão

Carne vermelha todo dia faz mal? Especificamente que mal?