13/09/2021

Como lidar com o luto? Relaxamento físico ou treinamento mental?

Redação do Diário da Saúde
Como lidar com o luto? Relaxamento físico ou treinamento mental?
Um luto forte demais pode causar forte inflamação no corpo, em um nível capaz de colocar a pessoa em risco de vida.[Imagem: S. Hermann-F. Richter/Pixabay]

Como lidar com o luto

Uma técnica simples de relaxamento mostrou ser uma estratégia eficaz para o enfrentamento do luto após a perda de um ente querido.

Psicólogos compararam e combinaram dois métodos para lidar com o luto: Um método focado na mente e outro no corpo, que foram aplicados a 95 viúvas e viúvos que perderam seus cônjuges entre seis meses e dois anos antes do início da intervenção.

"O que nos surpreendeu foi que a capacidade de focar no corpo e realmente relaxar o corpo acabou sendo extremamente importante para ajudar as pessoas a se ajustarem," contou a professora Mary-Frances O'Connor, da Universidade do Arizona (EUA).

Liberar a mente e relaxar o corpo

Um grupo de participantes passou por um treinamento de atenção plena de seis semanas, no qual aprenderam maneiras de focar sua atenção no momento presente com gentileza e curiosidade e deixar pensamentos e emoções difíceis irem e virem sem tentar mudar nada sobre a experiência.

Outro grupo passou por seis semanas de sessões guiadas sobre relaxamento muscular progressivo, nas quais aprenderam a relaxar diferentes grupos de músculos em estágios para tornar as emoções difíceis mais toleráveis.

"A principal diferença entre os dois é que a atenção plena é apenas aprender a estar com o que é, sem tentar mudá-lo, e trazendo uma postura compassiva e não julgadora," explicou Lindsey Knowles, da Universidade de Washington. "O relaxamento muscular progressivo é: 'Como podemos ajudá-lo a estar no momento presente, mas fazê-lo se sentir melhor?'"

Um terceiro grupo de participantes foi designado para uma lista de espera e não recebeu nenhum dos tratamentos. Esses participantes serviram como grupo de controle do estudo - uma referência para comparar o progresso feito pelos outros grupos.

Físico melhor que mental

Tanto os participantes da atenção plena quanto aqueles do relaxamento muscular apresentaram melhorias claras na gravidade do luto e na saudade. Mas, ao comparar os grupos entre si, o relaxamento muscular progressivo se mostrou mais útil.

"Ficamos surpresos que o relaxamento muscular progressivo tenha superado o grupo da lista de espera e a atenção plena não," disse Knowles. "Dito isso, ainda foi excelente que tanto o grupo de atenção plena quanto o de relaxamento muscular progressivo tenham apresentado mudanças ao longo do tempo na gravidade do luto."

 

Fonte: Diário da Saúde - www.diariodasaude.com.br

URL:  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Cópia para uso pessoal. Reprodução proibida.