20/08/2020

Máscara facial poderá ser usada para diagnosticar doenças

Redação do Diário da Saúde
Máscara facial poderá ser usada para diagnosticar doenças
Vários processos já permitem descontaminar as máscaras faciais N95.[Imagem: Duke Health]

Máscara de diagnóstico

As máscaras faciais, que estão protegendo milhões de pessoas de se contaminar com a covid-19, poderão brevemente também coletar informações sobre sua saúde.

O Dr. Zi-Cheng Yuan, da Universidade Jinan (China), pegou uma máscara facial N95 comum e inseriu nela uma fibra que consegue coletar compostos presentes ar exalado. Esses compostos podem então ser analisados em busca de biomarcadores.

A ideia é desenvolver um método para realizar a triagem de biomarcadores de doenças em grande escala.

O ar exalado é um aerossol que contém uma variedade de compostos voláteis e não-voláteis, dissolvidos em microgotículas de água. Algumas dessas moléculas podem fornecer informações importantes sobre a saúde, como se uma pessoa tem uma determinada doença ou como o corpo metaboliza os medicamentos que está tomando.

Para testar sua ideia, os pesquisadores colocaram uma fibra de microextração sólida (SPME) dentro de uma máscara facial N95.

Esse tipo de fibra já foi usado anteriormente para extrair compostos da respiração em coletas laboratoriais realizadas por outros métodos.

Os voluntários realizaram várias atividades diferentes, incluindo comer banana e alho, fumar e beber uma xícara de café. Em seguida, eles usaram as máscaras por 2 horas, e então os pesquisadores removeram as fibras e as analisaram por espectrometria de massa.

Para cada atividade, os pesquisadores detectaram compostos específicos, mesmo alguns que estavam presentes em pequenas quantidades: Por exemplo, compostos de enxofre voláteis de comer alho, nicotina de fumar e cafeína de beber café.

Os pesquisadores esperam que o método inspire novos experimentos com biomarcadores para doenças respiratórias, como a covid-19, que já exigem que as pessoas usem máscaras na vida cotidiana.

 

Fonte: Diário da Saúde - www.diariodasaude.com.br

URL:  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Cópia para uso pessoal. Reprodução proibida.