07/05/2020

Participe de pesquisa sobre comportamentos durante pandemia e quarentena

Com informações da Agência Fapesp
Pesquisa on-line quer medir impacto da pandemia e da quarentena
Pesquisa busca compreender alterações na rotina e nos hábitos da população com o objetivo de pensar em estratégias para minimizar os efeitos negativos do isolamento social.[Imagem: Divulgação]

Comportamento durante quarentena

Pesquisadores da Unicamp, UFMG e da Fundação Oswaldo Cruz lançaram uma pesquisa online para avaliar como a pandemia de covid-19 está influenciando os hábitos e a rotina dos brasileiros.

A iniciativa tem como finalidade compreender o impacto da pandemia e das medidas de isolamento social sobre a saúde e a rotina da população, considerando aspectos como trabalho e renda, atividades domésticas, estado de saúde física e mental, hábitos alimentares e de sono, prática de atividades físicas, tabagismo e consumo de bebidas alcoólicas.

"Estamos enfrentando uma situação inédita. Precisamos entender o que está acontecendo para pensar em estratégias que ajudem a minimizar os impactos negativos da quarentena, como a adoção de hábitos não saudáveis durante este período," afirmou a professora Marilisa Barros, coordenadora do estudo.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou recentemente que o consumo contínuo de bebida alcoólica por pessoas em isolamento social pode resultar em piora nas condições de saúde física e mental, aumento de comportamentos de risco e violência. O aumento dos índices de violência doméstica, depressão e ansiedade também tem sido motivo de preocupação em diversos países.

A desigualdade social é um fator agravante no Brasil, onde boa parte da população teve a renda comprometida pela pandemia a ponto de impossibilitar uma alimentação adequada.

"Um de nossos maiores desafios é fazer com que este questionário chegue às pessoas de menor nível socioeconômico. Somente assim conseguiremos avaliar o impacto da quarentena nessa camada social que demanda mais atenção. Por isso pedimos ajuda de todos para divulgar a iniciativa," disse Marilisa.

O questionário pode ser respondido on-line por indivíduos com 18 anos ou mais no endereço https://redcap.icict.fiocruz.br/surveys/index.php?s=DXT4M4HP74. As informações fornecidas serão confidenciais.

 

Fonte: Diário da Saúde - www.diariodasaude.com.br

URL:  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Cópia para uso pessoal. Reprodução proibida.