Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

08/09/2016

Até que idade você quer viver?

Redação do Diário da Saúde
Até que idade você quer viver?
Cerca de 17% das pessoas não gostariam de chegar até os 80 anos que as estatísticas dizem que elas deverão viver. [Imagem: MSPH/Columbia University]

Esperança de vida

Por mais surpreendente que pareça, nem todas as pessoas gostariam de viver muito: é grande o número daquelas que dizem preferir morrer antes do que sua expectativa de vida indica.

O professor Vegard Skirbekk, da Universidade de Colúmbia (EUA), decidiu investigar o quanto pessoas jovens e de meia-idade diziam querer viver e então comparou os resultados com uma série de características pessoais.

Não houve nenhuma indicação de que preferir uma vida mais curta ou mais longa do que a expectativa média de vida tenha qualquer relação com idade, sexo ou educação.

Os resultados mostraram que mais de 1 em cada 6 pessoas preferiria morrer com menos de 80 anos de idade, portanto antes de chegar à expectativa média de vida.

Os 1.600 participantes tinham 42 anos de idade em média (entre 18 e 64 anos), metade eram mulheres e 33% tinham nível universitário de educação.

Quanto as pessoas querem viver

A equipe constatou que um terço das pessoas (33%) prefere uma expectativa de vida na faixa dos oitenta anos, aproximadamente igual à esperança média de vida.

Cerca de um quarto (25%) preferiria viver até os 90 anos, enquanto outros 25% gostariam de viver até 100 anos ou mais - os dois grupos com expectativas além da expectativa média de vida.

Mas intrigantes 17% não gostariam de chegar até os 80 anos que as estatísticas dizem que eles deverão viver.

Ao ajustar os resultados em relação ao nível de felicidade geral relatado por cada voluntário, os pesquisadores constataram que ter expectativas menos positivas sobre a velhice explica essa preferência por morrer mais jovem.

"Para muitos, parece que o medo de se tornar velho pode superar o medo de morrer," observou o professor Skirbekk.

Os resultados foram publicados revista Ageing and Society.


Ver mais notícias sobre os temas:

Qualidade de Vida

Emoções

Terceira Idade

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

O que é melhor: Meditação ou Férias?

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Carne e barbatana de tubarão contêm altos níveis de neurotoxinas

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão