Chocolate e salgadinhos: comer pouco satisfaz tanto quanto comer muito

Chocolate e salgadinhos: comer pouco satisfaz tanto quanto comer muito
Os resultados mostraram que as menores porções são capazes de fornecer as mesmas sensações de satisfação que as maiores.
[Imagem: Cornell University]

Quanto chocolate você precisa comer para ficar satisfeito? E salgadinhos?

Menos da metade do que você pensa, de acordo com um estudo realizado na Universidade de Cornell (EUA).

Usando chocolate, torta de maçã e batatas fritas, os pesquisadores Ellen van Kleef, Mitsuru Shimizu e Brian Wansink projetaram um experimento para determinar se as pessoas que recebem pequenas porções de aperitivos se sentiriam com mais fome ou satisfeitos 15 minutos após a ingestão.

Foram testados dois grupos com diferentes porções.

O grupo de grandes porções recebeu 100g de chocolate, 200g de torta de maçã e 80g de batata frita, tudo um pouco mais do que o tamanho das porções recomendadas - o pacote equivale a 1.370 calorias.

O outro grupo recebeu 10g, 40g e 10g desses mesmos alimentos, respectivamente, em um total de 195 calorias.

Os dois grupos tiveram o tempo que precisaram para comer, e depois responderam questionários para avaliar o gosto, a familiaridade, a insatisfação com a comida e seu nível de saciedade.

E, 15 minutos depois, foi-lhes pedido para avaliarem sua fome e se estavam com vontade de comer mais das mesmas porções.

Olhos maiores do que a barriga

De forma um tanto surpreendente, os resultados mostraram que as menores porções são capazes de fornecer as mesmas sensações de satisfação que as maiores.

Os que comeram muito, e gostaram, não sentiram um nível maior de satisfação do que aqueles que comeram pouco.

Segundo os pesquisadores, os resultados refletem a importância do tamanho da porção - enquanto porções maiores resultam no aumento da ingestão de comida, porções menores podem fazer você se sentir igualmente satisfeito.

A diferença é que você irá ingerir menos calorias e menos de comidas tipicamente não saudáveis.

Assim, da próxima vez que tiver vontade de beliscar alguma coisa, lembre-se que você pode se sentir satisfeito com o que couber na sua mão, não precisando encher uma cumbuca - e cuidado com as "embalagens econômicas" nos supermercados.


Ver mais notícias sobre os temas:

Consumo Responsável

Alimentação e Nutrição

Dietas e Emagrecimento

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.