Redução de estômago pode curar diabetes tipo 2

Cirurgia bariátrica e diabetes

Já se sabia que as cirurgias de redução de estômago reduziam os casos de diabetes tipo 2 em alguns casos.

Agora, uma equipe de pesquisadores britânicos e italianos publicou na revista médica The Lancet um artigo mensurando esses efeitos.

Segundo o levantamento, envolvendo 60 pessoas que passaram pela cirurgia bariátrica, a cirurgia eliminou o diabetes tipo 2 por ao menos cinco anos em metade deles.

A cirurgia melhorou os sintomas tanto com a perda de peso quanto pelas alterações no sistema digestivo.

Há poucos dias, outra equipe publicou um artigo levantando a hipótese de que o benefício da cirurgia bariátrica não é obtido exatamente pela redução do estômago, mas pelas alterações no microbioma intestinal:

Remissão prolongada

Os pacientes que passaram pela cirurgia também mostraram menor tendência a desenvolver problemas cardíacos.

"A cirurgia é capaz de produzir uma remissão prolongada em 50% dos casos, em que pacientes apresentam níveis normais de glicose no sangue por cinco anos. E 80% deles conseguiram manter controle dos níveis usando apenas um medicamento ou mesmo nada," explicou Francesco Rubino, médico da Universidade Católica de Roma, que conduziu as cirurgias.

De acordo com o estudo, os efeitos da operação são vistos depois de dois anos.


Ver mais notícias sobre os temas:

Obesidade

Alimentação e Nutrição

Sistema Circulatório

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.