Tamanho da camisinha afeta prazer e aumenta riscos à saúde

Tamanho da camisinha afeta prazer e aumenta riscos à saúde
Camisinhas em tamanhos errados reduzem o prazer do sexo para os homens e para as mulheres e aumentam os riscos de infecção por doenças sexualmente transmissíveis e gravidez indesejada.
[Imagem: BBC]

O tamanho importa

Camisinhas em tamanhos errados não apenas reduzem o prazer do sexo para os homens e para as mulheres como aumentam os riscos de infecção por doenças sexualmente transmissíveis e de gravidez indesejada, segundo artigo publicado por um grupo de pesquisadores em uma revista científica.

De acordo com os pesquisadores da Universidade de Kentucky, nos Estados Unidos, um levantamento com 436 homens apontou que os homens têm duas vezes mais chances de tirar a camisinha no meio da relação sexual quando ela não está no tamanho correto.

Risco da camisinha rasgar

Segundo o texto publicado na revista Sexually Transmitted Infections, problemas no tamanho do preservativo também dobram as chances de a camisinha rasgar ou sair durante a relação.

Dos 436 homens ouvidos no estudo, 195 relataram que tiveram problemas com o tamanho do preservativo em sua última relação sexual.

Desses, 120 disseram que o problema havia reduzido seu próprio prazer sexual, e 57 disseram que ele reduziu o prazer sexual da parceira ou do parceiro.

Além disso, 34 dos homens que relataram problemas com o tamanho do preservativo disseram ter retirado a camisinha antes do final da relação, e 18 relataram um rompimento.

Experimentar

A ocorrência desses problemas foi bem menos frequente entre os que não relataram problemas com o tamanho do preservativo.

Segundo os pesquisadores americanos, uma solução para o problema seriam campanhas de esclarecimento para garantir que os homens utilizem preservativos no tamanho correto.

Segundo Simon Blake, da organização não governamental de saúde Brook, as camisinhas têm uma eficácia de 98% na proteção tanto contra a gravidez indesejada quanto contra infecções, desde que usadas corretamente.

"As camisinhas padrão de látex deveriam servir na maioria das pessoas, mas há também vários tipos de camisinhas em formas e tamanhos diferentes. Experimentar tipos diferentes é importante para encontrar a que serve melhor", diz Blake.


Ver mais notícias sobre os temas:

Sexualidade

Relacionamentos

Prevenção

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.