Água do mar ativa e reforça sistema imunológico

Água do mar ativa e reforça sistema imunológico
A terapia com água do mar, ou terapia marinha, é uma técnica de nutrição celular sustentada por mais de 100 anos de uso clínico em hospitais.
[Imagem: Wikimedia/Christopher Ziemnowicz]

Terapia com água do mar

Passar uma temporada na praia para melhorar a saúde pode parecer um conselho antiquado em tempos de remédios para tudo.

O poder de marketing das empresas farmacêuticas tem reduzido diversas práticas médicas de eficácia comprovada a serem taxadas de "alternativas", em um sentido pejorativo, como se elas fossem menos eficazes do que as práticas "oficiais".

O fato é que a terapia com água do mar, ou terapia marinha, é uma técnica de nutrição celular sustentada por mais de 100 anos de uso clínico em hospitais.

E, durante mais de um século, numerosos estudos têm documentado cientificamente seus efeitos benéficos sobre a saúde dos pacientes.

Benefícios da água do mar

Talvez agora a terapia marinha saia um pouco do ostracismo, já que vários laboratórios estão cedendo às evidências e começando a vender água do mar engarrafada, depois de devidamente purificada.

E, mesmo a conta-gotas, a água do mar tem um forte efeito de ativação do sistema imunológico.

Foi o demonstrou uma análise detalhada realizada por pesquisadores da Universidade de Alicante, na Espanha, liderados pelo Dr. José Miguel Sempere. A equipe analisou os efeitos da água do mar purificada atualmente vendida por um laboratório espanhol (Laboratorios Quinton).

O estudo mostrou que a água do mar fortalece o corpo contra os vírus, bactérias e outros micróbios patogênicos sazonais, além de reforçar um sistema imunológico que esteja enfraquecido.

Minerais na água do mar

A água do mar contém vários minerais com efeitos antioxidantes conhecidos, além de imunomoduladores como o selênio, silício e zinco.

O cloreto e o sódio - que dão o salgado à água do mar - são essenciais para o funcionamento normal de todas as células do corpo, incluindo as células envolvidas na resposta imunológica.

Mesmo na água do mar "engarrafada", os pesquisadores verificaram a presença de uma grande biodisponibilidade destes elementos - eles identificaram um total de 78 elementos.

A utilização da microfiltração a frio como um método de esterilização da água do mar traz como principal vantagem uma proteção das suas propriedades naturais, uma vez que a técnica reduz o aparecimento de radicais livres quando são usadas outras técnicas de esterilização.

Ciência da terapia marinha

O estudo confirmou que os leucócitos cultivados in vitro com uma solução isotônica mantêm sua viabilidade e morfologia durante a cultura sem estímulos adicionais, produzindo a ativação celular.

Isso leva a uma resposta imunológica, revelando um claro aumento na produção intracitoplasmática de algumas das principais citocinas relacionadas com a ativação da imunidade celular.

Outra descoberta desta pesquisa é o efeito protetor/conservador sobre os glóbulos vermelhos do sangue em toda a cultura de células, evidenciado pela virtual ausência de liberação de hemoglobina para o meio durante as 120-144 horas de cultura.

"Os resultados do presente estudo foram obtidos através de um ensaio de proliferação celular in vitro , que é um dos testes mais utilizados para analisar o efeito de diferentes drogas sobre o sistema imunológico," explicou o Dr. Sempere.


Ver mais notícias sobre os temas:

Terapias Alternativas

Medicamentos Naturais

Sistema Imunológico

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.