Alguns perfeccionistas têm um lado sombrio

Perfeccionismo

O tipo de perfeccionista que estabelece padrões impossíveis de alcançar para as outras pessoas parece ter um lado sombrio na personalidade.

Essas pessoas tendem a ser narcisistas, antissociais e apresentarem um senso de humor agressivo. Elas se preocupam pouco com as normas sociais e não se encaixam facilmente no quadro social maior.

É o que garantem Joachim Stoeber e seus colegas da Universidade de Kent (Reino Unido), que compararam as características dos chamados perfeccionistas orientados aos outros - que exigem perfeição dos outros - com as características dos perfeccionistas que estabelecem metas muito elevadas para si próprios.

Tipos de perfeccionismo

Os psicólogos reconhecem três tipos de perfeccionismo, cada um com diferentes crenças, atitudes, motivações e comportamentos.

Os perfeccionistas "auto-orientados" têm padrões pessoais extremamente elevados, procuram a perfeição e esperam ser ou tornar-se perfeitos.

Em comparação, os perfeccionistas "socialmente direcionados" acreditam que as outras pessoas consideram que ser perfeito é importante e, portanto, esforçam-se para não falhar.

As pessoas que têm uma dessas duas tendências tendem a ser muito críticas de si mesmas.

Em contraste, perfeccionistas "orientados para os outros" são depreciativos e preconceituosos apenas com relação aos outros. Eles não apenas esperam que as outras pessoas sejam perfeitas, mas também podem ser muito críticos em relação àqueles que não conseguem satisfazer suas expectativas.

Lado sombrio

O estudo comparativo descobriu que o perfeccionismo auto-orientado é a única das três formas que apresenta um elemento pró-social. Mesmo que se concentrem em si mesmas, essas pessoas mostram um interesse pelos outros, preocupam-se com as normas sociais e com as expectativas dos outros. Elas também preferem um humor agregador, que melhora os relacionamentos e coíbe as piadas agressivas.

Os perfeccionistas socialmente orientados, por sua vez, fazem piadas autodepreciativas, têm uma baixa autoestima e uma baixa autoconsideração, e muitas vezes se sentem inferiores aos outros. Eles podem ser bastante antissociais e pouco emotivos, e não respondem bem ao feedback positivo.

Já os perfeccionistas orientados para os outros têm um senso de humor bastante agressivo, que é usado em detrimento dos outros.

E este é apenas um dos muitos traços de indiferença que os fazem desprezar as expectativas dos outros e as normas sociais. Eles têm um sentimento de superioridade e não se enquadram facilmente em um grande círculo social, tornando-se bastante antissociais.

"O perfeccionismo orientado aos outros é uma forma 'negra' do perfeccionismo, associada com características de personalidade narcisista, antissocial e indiferente," resumiu Stoeber.


Ver mais notícias sobre os temas:

Comportamento

Emoções

Relacionamentos

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.