Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

03/01/2014

Ácido fólico do pai influencia saúde do bebê

Redação do Diário da Saúde
Ácido fólico do pai influencia saúde do bebê
A influência ocorre porque há regiões do epigenoma dos espermatozoides que são sensíveis à experiência de vida, e particularmente à dieta. [Imagem: McGill University/istock]

Dieta pré-concepção

Que a dieta da mãe durante a gestação influi diretamente na saúde do seu bebê é algo sobre o que não paira nenhuma dúvida.

O que ainda não se sabia é que a dieta do pai também desempenha um papel crucial na saúde dos seus filhos.

Como seria de se esperar, a dieta paterna que importa é aquela ingerida antes da concepção.

Segundo a Dra. Sarah Kimmins, da Universidade McGill (Canadá), essa descoberta levanta sérias preocupações sobre os efeitos a longo prazo das dietas ocidentais e da insegurança alimentar.

Afinal, hoje nenhum candidato a pai controla sua dieta antes da concepção, quando seria ideal que todos fizessem o mesmo que as mães fazem durante a gestação.

Ácido fólico para os pais

A Dra. Kimmins concentrou-se sobre a vitamina B9, mais conhecida como ácido fólico, que é encontrada em uma variedade de vegetais de folhas verdes, cereais, frutas e carnes - e geralmente fornecida como suplemento para as grávidas.

O ácido fólico evita hemorragias durante a gravidez e defeitos de nascimento nas crianças.

A pesquisa mostrou pela primeira vez que os níveis de ácido fólico do pai podem ser tão importantes para o desenvolvimento e a saúde dos bebês quanto os da mãe.

"Apesar do fato de que o ácido fólico agora é adicionado a uma variedade de alimentos, os pais que estão comendo altos teores de gordura, dietas de fast food ou que são obesos podem não ser capazes de usar ou metabolizar o ácido fólico da mesma forma que pessoas com níveis adequados da vitamina," disse Kimmins.

Epigenoma

A influência ocorre porque há regiões do epigenoma dos espermatozoides que são sensíveis à experiência de vida, e particularmente à dieta.

Essa informação é por sua vez transferida para o chamado mapa epigenômico, que influencia o desenvolvimento e também pode influenciar o metabolismo e doenças na prole a longo prazo.

O epigenoma é como um interruptor, que é afetado por estímulos ambientais, e está envolvido em muitas doenças, incluindo câncer e diabetes.

O epigenoma influencia a maneira como os genes são ligados ou desligados e, portanto, como a informação hereditária é passada adiante.


Ver mais notícias sobre os temas:

Gravidez

Alimentação e Nutrição

Saúde do Homem

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Cientistas dizem ter descoberto cura definitiva para alcoolismo

Vacina contra dengue pode fazer mais mal que bem em alguns locais

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão

Carne vermelha todo dia faz mal? Especificamente que mal?