Amamentar o próprio filho vale R$700 na Grã-Bretanha

Um programa do governo britânico vai oferecer uma recompensa no valor de mais de R$ 700 para mães que amamentem seus bebês.

O esquema piloto - custeado pelo governo britânico e por uma associação de pesquisa médica - está sendo implementado em áreas pobres no norte da Inglaterra.

As mães receberão cupons para serem gastos em lojas e supermercados.

O esquema será testado com 130 mães até março. Caso seja bem-sucedido em estimular a amamentação, ele pode se transformar em um programa de escala nacional.

Essa não é a primeira vez que estímulos deste tipo são usados pelo NHS - o sistema nacional de saúde pública da Grã-Bretanha. Um programa semelhante já foi usado para combater o cigarro e estimular a perda de peso.

O teste será feito em regiões que apresentam baixos índices de amamentação - em média, apenas cerca de 25% das mães amamentam entre a sexta e oitava semana após o nascimento nesses locais, enquanto a média nacional é de 55%.

Uma parte do dinheiro - 120 libras (cerca de R$ 430) - estará disponível antes mesmo de elas começarem a amamentar. O restante é recebido depois. Todas as mães terão acompanhamento de agentes de saúde.

Embora tenha havido questionamentos sobre a amamentação exclusiva até os seis meses de idade, pesquisas sugerem que amamentação ajuda no desenvolvimento da saúde dos bebês e a prevenir problemas estomacais e infecções.


Ver mais notícias sobre os temas:

Amamentação

Cuidados com o Recém-nascido

Alimentação e Nutrição

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.