Centro de capacitação oferecerá treinamento em radioterapia

Aceleradores lineares

Entrou em operação o primeiro centro de treinamento de radioterapia do Brasil, em Jundiaí, município localizado na região de Campinas, próximo à capital paulista.

A unidade de capacitação faz parte do Acordo de Compensação Tecnológica (ACT) assinado entre a empresa Varian Medical e o Ministério da Saúde, que inclui ainda a instalação de uma fábrica no mesmo local, com previsão de operar no primeiro semestre do próximo ano.

Na fábrica serão produzidos aceleradores lineares, equipamentos considerados os mais modernos no tratamento do câncer, o que vai permitir ampliar a infraestrutura para tratamento da doença no país. Para viabilizar o empreendimento, o governo brasileiro fez a maior compra pública de aceleradores lineares do mundo, com um total de 100 equipamentos.

Treinamento em radioterapia

De acordo com o Ministério da Saúde, o centro terá capacidade para treinar 1,5 mil pessoas por ano e servirá de auxílio na expansão da radioterapia no país, o que vai permitir a redução dos gastos públicos, com a vantagem ainda de tornar o país menos dependente do mercado externo. A expectativa da empresa é a de oferecer, regularmente, 13 cursos, formando uma rede de treinamento em parceria com universidades.

Pelo acordo com o Ministério da Saúde, serão investidos R$ 500 milhões para a compra de 80 aceleradores lineares e realização de projetos e obras. Os primeiros 20 equipamentos ainda deverão ser importados.

Em todo o país, já foram entregues, cinco aceleradores lineares para as seguintes localidades: Maceió (AL), Campina Grande (PB), Feira de Santana (BA), Curitiba (PR) e Distrito Federal, onde foi beneficiado o Hospital Universitário de Brasília (HUB).

A fábrica - que já tem a linha de montagem instalada, mas depende de ajustes e vistorias - e o centro de treinamento ocupam um espaço de 4,7 mil metros quadrados.


Ver mais notícias sobre os temas:

Saúde Pública

Câncer

Equipamentos Médicos

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.