Cientistas descobrem novos benefícios da amamentação

Proteínas encontradas apenas no leito materno

Pesquisadores na Suíça e na Austrália anunciaram a identificação de proteínas no leite humano - não presentes no leite de vaca - que podem curar doenças ajudando a remover bactérias, vírus e outros agentes patogênicos perigosos do trato gastrointestinal dos bebês. A pesquisa está agendada para publicação no exemplar de 5 de Setembro do Journal of Proteome Research.

Benefícios da amamentação

Niclas Karlsson e seus colegas afirmam que os pesquisadores já sabem há anos que o leite materno parece fornecer uma ampla variedade benefícios à saúde, incluindo menores taxas de incidência de diarréia, brotoejas, alergias e outros problemas médicos, em comparação com crianças alimentadas com leite de vaca.

Entretanto, as razões biológicas por detrás dessa associação ainda não foram esclarecidas.

Não encontradas no leite de vaca

Para descobrir essa conexão, os cientistas coletaram amostras de leite humano e de vaca e analisaram seu conteúdo de gordura. Eles descobriram que as partículas de gordura no leite humano são recobertas com variantes particulares de duas proteínas à base de açúcar, chamadas MUC-1 e MUC-4.

Estudos anteriores, feitos por outros pesquisadores, demonstraram que essas proteínas podem bloquear certos receptores no trato gastrointestinal que são os principais pontos de ligação para a E. coli, Helicobacter pylori e outros micróbios causadores de doenças, desta forma prevenindo a infecção.

Como o leite de vaca não possui essas variantes protéicas, ele não oferece a mesma proteção contra essas doenças, afirmam os pesquisadores.


Ver mais notícias sobre os temas:

Amamentação

Alimentação e Nutrição

Cuidados com o Recém-nascido

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2017 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.