Clone do vírus zika pode ajudar no desenvolvimento de vacina

Clone do vírus zika
Estrutura externa do vírus zika, que acaba de ser clonado.
[Imagem: Cortesia Guntur Fibriansah/Duke-NUS Medical School]

Clone do vírus zika

Em uma tentativa de acelerar a busca por uma vacina, cientistas norte-americanos anunciaram a clonagem do vírus zika.

Especialistas afirmam que esse experimento pode ser usado para ajudar no desenvolvimento de uma vacina eficaz contra a doença.

O clone é uma réplica do tipo do vírus que está se espalhando pelas Américas e que tem sido associado a um forte aumento nos casos de microcefalia e demais más-formações cerebrais em bebês.

Em testes realizados na Universidade do Texas, o clone conseguiu infectar mosquitos Aedes aegypti, que carregam o zika, e provocou a doença em ratos de laboratório.

Vacina contra zika

Uma vacina que proteja gestantes e outras pessoas com riscos maiores de infecção é considerada uma das formas mais eficazes de combater a doença. Muitos grupos de pesquisa ao redor do mundo trabalham para tentar desenvolvê-la.

O Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos espera dar início aos testes clínicos em humanos o quanto antes, mas para isso ainda será necessário encontrar uma versão mais "segura" do vírus zika, ou seja, que seja capaz de reagir à infecção sem que a doença seja causada.

A equipe da Universidade do Texas afirma que a clonagem do vírus zika pode ajudar a atingir esse objetivo ao permitir manipular aspectos do vírus que o tornem mais adequado a esses testes.

Apesar dos avanços, porém, a criação de uma vacina contra o vírus zika que seja eficaz e segura o suficiente para ser oferecida ao público pode levar anos.


Ver mais notícias sobre os temas:

Vírus

Vacinas

Genética

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.