Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

31/12/2011

Deixar de fumar traz prazer e bem-estar

Redação do Diário da Saúde

O prazer de não fumar

O abandono do vício do fumo traz mais do que benefícios fisiológicos ou bem-estar físico.

Em comparação com aqueles que continuam a fumar, os vencedores são mais felizes e mais satisfeitos consigo próprios.

Os resultados se mostraram consistentes um ano depois e três anos depois que as pessoas abandonaram o vício.

Nos dois períodos, os ex-fumantes se disseram mais satisfeitos com a própria vida e sentindo-se mais saudáveis.

Benefícios psicológicos

Não há dúvidas que deixar de fumar melhora a saúde e salva vidas.

O que era menos claro eram os efeitos psicológicos e sobre a qualidade de vida dos ex-fumantes.

Pesquisas entre os fumantes mostram que eles acreditam que o cigarro lhes dá prazer e, portanto, deixá-lo poderia lhes trazer grandes doses de desprazer.

Mas não foi isto o que revelou o estudo da equipe da Dra. Megan Piper, da Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos.

Emoções positivas

Os autores avaliaram vários indicadores de qualidade de vida, emoções positivas e negativas, satisfação com os relacionamentos e ocorrência de fatores estressantes.

A pesquisa foi repetida um ano e três anos depois que os voluntários deixaram de fumar.

Os resultados mostraram não apenas que deixar de fumar não traz sensações de desprazer, como também melhora sensações que vão dos relacionamentos à filosofia de vida.

Os indicadores que mostraram maior índice de melhoria foram qualidade de vida, melhor bem-estar relacionado à saúde física e emoções positivas.


Ver mais notícias sobre os temas:

Tabagismo

Drogas Lícitas

Sentimentos

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Carne e barbatana de tubarão contêm altos níveis de neurotoxinas

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão

Carne vermelha todo dia faz mal? Especificamente que mal?