EUA recomendam diminuição do consumo de açúcar

O novo guia alimentar dos Estados Unidos, aplicável para os próximos cinco anos, recomenda a limitação do consumo de açúcar, sem incluir qualquer advertência sobre a carne vermelha e processada.

O guia alerta que sobretudo os homens e as pessoas mais jovens consomem carne e ovos em excesso, que devem diminuir o consumo dessas proteínas e aumentar o consumo de vegetais.

A recomendação mais concreta está relacionada com a redução da ingestão de açúcares, que deveriam ser limitados a menos de 10% das calorias diárias. A recomendação foca os açúcares não-naturais, que se encontram nas frutas, mas apenas os que são acrescentados em alimentos e bebidas.

As recomendações norte-americanas não fazem qualquer advertência ao consumo de carne vermelha e processada, apesar da advertência feita em outubro de 2015 pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

O guia traz uma tabela de alimentos com elevada presença de gordura saturada, entre eles a carne, incluindo o hambúrguer, cujo consumo deve ser limitado.

Outra novidade do guia para os próximos cincos anos é que ele não inclui a recomendação feita durante anos para limitar o consumo de colesterol a 300 miligramas por dia, menos que a quantidade de dois ovos. Os produtores de ovos se manifestaram por muito tempo contra a recomendação.

O atual guia recomenda apenas aos norte-americanos que ingiram pouco colesterol para diminuir o risco de doenças cardíacas.


Ver mais notícias sobre os temas:

Alimentação e Nutrição

Saúde Pública

Coração

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.