Maioria dos médicos é especialista em pediatria ou ginecologia

Crianças e mulheres

Apesar de o MEC estar cortando vagas de cursos da área de saúde por má qualidade, o fato é que o número de médicos no Brasil cresceu e não permite mais falar em falta de profissionais.

Mas um levantamento que acaba de ser divulgado mostra uma elevada concentração desses médicos em algumas especialidades.

Um quarto dos médicos especializados no Brasil são pediatras ou ginecologistas e obstetras.

É o que constatou censo feito pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e o Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp).

Especialidades preferidas

No Brasil, 204.563 médicos têm pelo menos um título de especialização, o equivalente a 55% do total de profissionais em atividade.

Dentro desse universo, os pediatras e ginecologistas respondem por 24,4%.

As outras especialidades mais procuradas são anestesiologia, cirurgia geral, clínica médica, ortopedia e traumatologia, oftalmologia, medicina do trabalho, cardiologia, radiologia e diagnóstico por imagem.

O estudo não avalia se existe falta ou excesso de profissionais em determinada especialidade.

Especialização por região

De acordo com o censo médico, os especialistas estão concentrados na Região Sul, onde há 1,95 médico com especialização para um generalista.

No Norte e Nordeste, há menos de um especialista por profissional generalista.

A média nacional é 1,23 especialista por generalista.

Em 12 estados, existem mais médicos generalistas, entre eles o Amazonas, Tocantins, Rio de Janeiro, Acre e o Maranhão.


Ver mais notícias sobre os temas:

Atendimento Médico-Hospitalar

Saúde Pública

Planos de Saúde

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.