Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

10/12/2015

Máquinas de café liberam metais após descalcificação

Com informações da Editora Taylor & Francis

Níveis alarmantes

Se você prepara seu café em máquinas, pode estar engolindo também metais indesejados liberados pelo próprio equipamento.

A equipe do professor Frederic Müller, do Instituto Federal Alemão de Avaliação de Riscos, chamou seus resultados de "alarmantes", afirmando que "o consumo de cafeína não é tudo com que temos que nos preocupar em nossa cultura do café".

Os resultados foram publicados na revista científica Food Additives & Contaminants.

Metais no café

Praticamente não existem legislações específicas sobre o "vazamento" de elementos a partir de materiais metálicos em contato com alimentos. Apesar disso, o Conselho Europeu recentemente se manifestou sobre o problema, determinando que esse tipo de contaminante "não deve ser liberado em quantidades que possam pôr em perigo a saúde humana" e especifica limites e técnicas de rastreamento de metais em alimentos.

Com base nesses limites e técnicas de avaliação, a equipe do professor Müller testou 11 chaleiras elétricas e oito máquinas de café procurando pela liberação de íons elementares. Os testes foram repetidos três vezes, em três dias diferentes, antes e depois da descalcificação recomendada pelos fabricantes dos aparelhos.

As chaleiras mostraram bons resultados, com uma liberação dentro dos limites especificados, mas as máquinas de café mostraram em alguns casos níveis alarmantes de chumbo, especialmente após a descalcificação.

Máquinas de café liberam metais
O problema parece particularmente sério após o processo de descalcificação das máquinas de café. [Imagem: Müller et al. - 10.1080/19440049.2015.1086929]

Uma máquina em particular liberou 150 vezes o limite recomendado de chumbo no café. Os níveis de níquel, manganês, cromo e zinco excederam os limites em até quatro vezes. As máquinas de filtro apresentaram níveis significativamente mais elevados do que as máquinas de cartuchos.

No lado positivo, as concentrações dos elementos metálicos liberados no café diminuíram ao longo dos 3 dias de teste.

Limpe bem sua máquina

Os pesquisadores recomendam que, na ausência de leis específicas, os consumidores devem "executar extensos e cuidadosos passos de limpeza após os procedimentos de descalcificação antes de usar" novamente suas máquinas.

E acrescentam que as recomendações feitas pelas autoridades europeias não são difíceis de atingir, já que pelo menos "uma das máquinas não liberou quaisquer elementos metálicos que causem preocupação".


Ver mais notícias sobre os temas:

Contaminação

Higiene Pessoal

Alimentação e Nutrição

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Ciência começa a entender eficácia da Medicina Chinesa contra o câncer

O que é melhor: Meditação ou Férias?

Carne e barbatana de tubarão contêm altos níveis de neurotoxinas

Dor de cabeça: Conheça aquelas que exigem tratamento

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão