Realidade aumentada deixa médicos verem dentro dos pacientes - sem usar um bisturi

Anatomia virtual

A tecnologia parece ter mais de uma maneira para trazer o poder da realidade aumentada para a prática clínica.

Um sistema desenvolvido no Canadá, chamado ProjectDR, permite que imagens médicas, como tomografias e ressonância magnética, sejam exibidas diretamente no corpo de um paciente conforme ele se move de maneira natural no consultório.

"Nós queríamos criar um sistema que pudesse mostrar aos clínicos a anatomia interna de um paciente no contexto do corpo," explicaram Ian Watts e Michael Fiest, da Universidade de Alberta.

A tecnologia inclui um sistema de rastreamento de movimento, usando câmeras infravermelhas, e marcadores no corpo do paciente similares aos usados no cinema para criar personagens virtuais. Finalmente, um projetor mostra as imagens no corpo do paciente.

A parte realmente difícil, explicou Watts, é manter a imagem corretamente no corpo do paciente mesmo quando ele se move. Ele e sua equipe tiveram que desenvolver um software específico para isso, que faz com que todos os componentes funcionem juntos.

Aplicações

O sistema também tem a capacidade de apresentar imagens segmentadas - por exemplo, apenas os pulmões ou apenas os vasos sanguíneos - dependendo do que um médico esteja interessado em ver.

Isso abre um grande leque de aplicações.

"Há um bocado de aplicações para esta tecnologia, incluindo o ensino, fisioterapia, cirurgia laparoscópica e até planejamento cirúrgico," disse Watts.

Agora a equipe está trabalhando no refinamento da tecnologia, para melhorar a calibração automática do sistema e para adicionar componentes como sensores de profundidade. O próximo passo será testar a viabilidade do programa em um cenário clínico real, envolvendo médicos atendendo pacientes.


Ver mais notícias sobre os temas:

Equipamentos Médicos

Exames

Diagnósticos

Ver todos os temas >>   


  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2018 www.diariodasaude.com.br. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.