Ver:

 Temas
 Enfermidades





RSS Diário da Saúde

Twitter do Diário da Saúde

12/06/2013

Tamiflu pode induzir resistência ao novo vírus da gripe H7N9

Com informações da Agência Brasil

Cientistas da China e de Hong Kong descobriram que vírus H7N9, da nova gripe aviária, que provocou 37 mortes em cidades chinesas, é resistente ao medicamento Tamiflu.

O H7N9 tem infectado principalmente idosos.

Foram confirmados 131 casos de infecções, com 39 mortes e outros 14 pacientes que continuam internados. Os demais já foram considerados curados e liberados.

A idade média dos infectados pelo H7N9 é 61 anos.

O tratamento com o antigripal da farmacêutica suíça Roche, utilizado em 2009 no combate ao vírus da gripe aviária H5N1, foi ineficaz em três dos 14 pacientes analisados.

Em 11 dos 14 casos estudados, o Tamiflu conseguiu reduzir a quantidade de vírus na garganta dos pacientes e ajudou a acelerar a recuperação clínica.

Segundo os especialistas, em um dos pacientes o gene do vírus responsável pela resistência apareceu ativo depois de a infecção ter-se manifestado.

Com isso, segundo eles, pode-se interpretar que a medicação estimula o desenvolvimento da resistência ao vírus.

A Roche informou que os índices mundiais de resistência ao Tamiflu são baixos. A indústria farmacêutica ressaltou que considera a conclusão preliminar e que colabora com as autoridades médicas mundiais.


Ver mais notícias sobre os temas:

Medicamentos

Vírus

Bactérias

Ver todos os temas

Mais lidas na semana:

Cientistas dizem ter descoberto cura definitiva para alcoolismo

Vacina contra dengue pode fazer mais mal que bem em alguns locais

Os muitos mitos sobre as Dores nas Costas

Medicamento desenvolvido no Brasil combate origem da hipertensão

Carne vermelha todo dia faz mal? Especificamente que mal?