Tinta de seda imprime tecidos para implantes

Tinta de seda imprime tecidos para implantes
A impressora 3D foi desenvolvida especificamente para trabalhar com tecidos biológicos.
[Imagem: Rod R. Jose et al. - 10.1021/acsbiomaterials.5b00160]

Biotinta

A equipe do professor David Kaplan, da Universidade Tufts (EUA), havia inovado ao desenvolver parafusos de seda para fixar implantes ósseos em fraturas.

A grande vantagem é que os parafusos dissolvem-se quando o osso se cicatriza, além de não serem tão rígidos quanto as fixações metálicas.

Agora a equipe tirou proveito das impressoras 3D, usando a seda para criar uma técnica totalmente nova de fabricar as próprias partes a serem implantadas, e não apenas as fixações.

A tecnologia de manipulação da seda, já dominada pela equipe, permitiu a criação de uma "biotinta", uma tinta biológica que é aplicada camada por camada através da impressora 3D, criando tecidos complexos, com várias funções.

É possível, por exemplo, incorporar medicamentos no próprio tecido artificial, provendo os fármacos necessários para evitar rejeição ou infecções pós-operatórias.

Tinta biocompatível

A maioria das tintas desenvolvidas para a impressão 3D é feita de termoplásticos, silicones, colágeno e gelatina ou alginato. Mas há limites para os usos dessas tintas na área de saúde. Por exemplo, as temperaturas, alterações de pH e métodos de reticulação necessários para endurecer alguns destes materiais podem danificar as células ou outros componentes biológicos que os pesquisadores gostariam de adicionar às tintas.

A equipe então combinou as proteínas da seda, que são biocompatíveis, e glicerol, um álcool de açúcar não-tóxico comumente encontrado em alimentos e produtos farmacêuticos.

A biotinta resultante é transparente e flexível, estável na água e não necessita de qualquer técnica de tratamento adicional, como temperaturas elevadas, que limitariam sua versatilidade.

Os pesquisadores afirmam que a tinta de seda poderá ser usada em implantes biomédicos e engenharia de tecidos, fabricando tecidos inteiramente novos.


Ver mais notícias sobre os temas:

Implantes

Robótica

Nanotecnologia

Ver todos os temas >>   

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Conteúdo publicado sob licença de www.sciencetolife.com. Todos os direitos reservados para os respectivos detentores das marcas. Reprodução proibida.