29/11/2019

Objetivos humanos dividem-se em quatro categorias

Redação do Diário da Saúde
Objetivos humanos dividem-se em quatro categorias
Perseguir paixões parece ser diferente de perseguir objetivos, o que exige abrir a mente.[Imagem: CC0 Public Domain/Pixabay]

Objetivos humanos

Categorizar os objetivos das pessoas tem sido um desafio para os cientistas, com uma ampla discordância em relação a qualquer conjunto de termos que visem cobrir todos os fatores que motivam o comportamento humano.

Em uma tentativa de superar esse problema, uma equipe de psicólogos conduziu um estudo exaustivo de palavras relacionadas a objetivos.

Com base nessa análise, eles afirmam que os objetivos humanos podem ser amplamente classificados em termos de quatro objetivos: "destaque", "inclusão", "prevenção da negatividade" e "tradição".

"Poucas perguntas são mais importantes no campo da psicologia do que 'O que as pessoas querem?', mas nenhum conjunto de termos para definir essas metas ganhou aceitação ampla. Decidimos que a melhor maneira de abordar a questão era examinar as palavras que as pessoas costumam usar para descrever seus objetivos, e esperamos que nossas conclusões ajudem a obter um consenso máximo," disse o professor Ben Wilkowski, da Universidade de Wyoming (EUA).

Categorias de objetivos pessoais

Os pesquisadores começaram com uma lista de mais de 140.000 substantivos. Por meio de um intenso processo de classificação, a lista foi reduzida para 1.060 substantivos considerados relevantes para os objetivos humanos.

Então eles realizaram uma série de sete experimentos, envolvendo pesquisas com centenas de pessoas sobre seu compromisso de perseguir metas, o que permitiu chegar aos quatro componentes sob os quais todos os motivos humanos podem ser categorizados:

  • 1.

    Proeminência, ou destaque, que abrange objetivos que vão do poder e do dinheiro à perfeição e glória, mas reflete mais fortemente a busca pelo status social, o desejo de conquistar o respeito, a admiração e a deferência dos outros por meio de realizações.

  • 2.

    Inclusão, que abrange um objetivo de aceitar de forma aberta pessoas de todos os tipos.

  • 3.

    Prevenção da negatividade, que abrange metas para evitar uma ampla variedade de resultados negativos, incluindo conflito, desacordo, isolamento e discórdia social.

  • 4.

    Tradição, que inclui o desejo de defender as instituições de longa data da cultura de uma pessoa, incluindo religião, família, nação e outros valores de grupo.

"Nossos resultados sugerem que os aspectos mais amplos da motivação humana são de natureza predominantemente social," disse Wilkowski. "A 'necessidade de pertencer' e nossa natureza ultrassocial se refletem nas quatro categorias".

Objetivos humanos dividem-se em quatro categorias
Pode ser bom compartilhar seus objetivos - mas tenha cuidado com quem.
[Imagem: CC0 Public Domain/Pixabay]

Condição humana

Embora os pesquisadores acreditem que as quatro categorias provavelmente se apliquem a muitas outras culturas industrializadas, eles reconhecem que são necessárias pesquisas em outros idiomas, uma vez que sua análise lidou apenas com o idioma inglês usado na cultura norte-americana.

"Por exemplo, 'igreja' não serviria como um bom marcador de tradição em culturas não-cristãs; e 'gordura' não serviria como um bom marcador de prevenção de negatividade em culturas onde a fome é uma preocupação maior que a obesidade," escreveram eles. "No entanto, sugerimos que os conceitos mais profundos subjacentes a essas quatro construções são relevantes para a condição humana em geral - pelo menos como experimentado em grandes culturas industrializadas".

 

Fonte: Diário da Saúde - www.diariodasaude.com.br

URL:  

A informação disponível neste site é estritamente jornalística, não substituindo o parecer médico profissional. Sempre consulte o seu médico sobre qualquer assunto relativo à sua saúde e aos seus tratamentos e medicamentos.
Copyright 2006-2016 www.diariodasaude.com.br. Cópia para uso pessoal. Reprodução proibida.